Camboja, Terra das Almas Errantes

2002

La Terre des Âmes Errantes

Dirigido por:
Média geral 3.0
baseado em 1 votos
Sua avaliação:
salvando
100 minutos

Em 1999, os cambojanos empobrecidos cavaram a vala para o primeiro cabo de fibra óptica do sudeste asiático. O diretor Rithy Panh acompanhou essas famílias que procuravam sobreviver num país ainda devastado. Essa “rodovia da informação” deve ligar a Europa à China, seguindo a antiga rota da seda. No Camboja, essa obra consistia na escavação de uma vala de um metro de profundidade, da fronteira tailandesa à fronteira vietnamita, para colocar um cabo da grossura de um polegar. Era uma ocasião para inúmeros cambojanos - camponeses pobres, soldados desmobilizados, famílias sem recursos terem trabalho.
Organiza-se uma vida itinerante acompanhando o trajeto do cabo: homens, mulheres e crianças cavam com picaretas, enxadas ou com as mãos, enquanto os mais jovens procuram o que comer à noite (sanguessugas, formigas, que acompanharão o arroz quotidiano). A vala encontra uma região cheia de minas (cerca de sete milhões ainda estão enterradas) e de milhões de mortos, sem sepultura, cujas almas errantes assombram os sobreviventes.
Fonte: Making Off.

Estreia Mundial:
28 de Março de 2002
Outras datas

Elenco de Camboja, Terra das Almas Errantes

Nenhum.
Denunciar algo errado
Trailers
  • Nenhum trailer cadastrado.
Fotos
  • Nenhuma foto cadastrada.

Comentar: