Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Loretta Young (I)

Loretta Young (I)

Nomes Alternativos: Gretchen Michaela Young | Gretchen Young

33Número de Fãs

Nascimento: 6 de Janeiro de 1913 (87 years)

Falecimento: 12 de Agosto de 2000

Salt Lake City, Utah - Estados Unidos da América

Nascida Gretchen Young em Salt Lake City, no dia 6 de janeiro de 1913 e falecida em Los Angeles, vítima de câncer no ovário, no dia 12 de agosto de 2000, Loretta Young foi uma atriz americana.
Loretta foi educada no Convento Ramona, em Alhambra (Califórnia). Depois de ter interpretado um pequeno papel, foi contratada como protagonista em muitos filmes mudos e sonoros. Ganhou o Oscar pelo filme Ambiciosa (1947). Foi casada por duas vezes e teve 1 filho.
Após ter sido festejada, por muitos anos, como uma das mais requisitadas estrelas de Hollywood, transformou-se, na idade madura, em uma respeitável e bem sucedida empresária. Loretta foi presidente de uma grande firma de cosméticos em Los Angeles, da qual era a melhor "garota-propaganda' devido a sua grande beleza, mesmo após os 60anos.
Foi casada três vezes, a primeira com Grant Withers (1930 a 1931), em seguida com Tom Lewis (1940 a 1969) com quem teve dois filhos e Jean Louis (1993 a 1997, quando ele morreu).
Loretta é mais lembrada por sua elegância e graciosidade do que por suas qualidades interpretativas, embora tenha ganhado um Oscar, um Globo de Ouro e três Emmys.
Após separar-se do marido, a mãe de Loretta mudou-se para Hollywood com as quatro filhas e abriu uma pensão. Ainda crianças, as irmãs já trabalhavam como extras no cinema. Mas Loretta interrompeu temporariamente essas participações para estudar num convento.
Aos 14 anos, na transição para o cinema falado, ela voltou às telas como substituta da irmã Polly Ann e logo conseguiu um contrato com a companhia First National.
Agora com o nome mudado, Loretta deu início a uma filmografia que revela forte presença na tela e algumas boas atuações. Destacam-se em sua carreira: ‘’Um Romance em Budapeste’’ (1933), ‘’O Paraíso de um Homem’’ (1933), ‘’O Estranho’’ (1946, de Orson Welles), ‘’Um Anjo Caiu do Céu’’ (1947), ‘’Ambiciosa’’ (1947, Oscar pela fazendeira imigrante que entra para a política), ‘’Falam os Sinos’’ (1949, indicada ao Oscar no papel de freira) e ‘’Calúnia’’ (1951).
No elenco de ‘’A História de Alexander Graham Bell’’ (1939), no qual Young faz a esposa do inventor, estão também suas três irmãs.
Em 1953, Loretta abandonou o cinema e começou uma segunda carreira como estrela do programa de televisão ‘’The Loretta Young Show’’. Eram histórias de meia-hora em que ela apresentava e às vezes atuava.
O show foi um grande sucesso e rendeu a Loretta não só três Emmys de Melhor Atriz Dramática – em 1972, num processo envolvendo a exibição dos programas, ela recebeu $ 600 mil dólares da rede NBC.
Em 1961 ela publicou ‘’The Things I Had to Learn’’, um livro de memórias, e desde então também esteve ativa em ações de caridade católica.
Nos anos 80, Loretta Young voltou a fazer filmes e ganhou um Globo de Ouro por ‘’Christmas Eve’’ (1986), filme produzido para a televisão.
Ela teve uma filha ilegítima com Clark Gable, com quem contracenou em ‘’Mulher, A Quanto Obrigas’’ (1950), na época (1935, e casada com Tom Lewis) se afastou para tirar férias e quando voltou, anunciou que havia adotado uma menina, Judy Lewis. Mais tarde Clark reconheceu a paternidade.

Filhos: Judy Lewis, Christopher Lewis, Peter Lewis
Cônjuge: Jean Louis (de 1993 a 1997), Tom Lewis (de 1940 a 1969), Grant Withers (de 1930 a 1931)
Filiação: Gladys Royal Young, John Earl Young
Irmãos: Polly Ann Young, Sally Blane, Georgiana Young, John R. Young