filmow.com/usuario/dieguito/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > dieguito
Bagé - (BRA)
Usuário desde Setembro de 2010
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

'Todo homem é uma ilha. Eu sou Ibiza!' [Um Grande Garoto]

.

'Eu nunca frequentei a escola de cinema. Eu frequentei o cinema.' - Quentin Tarantino.

.

Status: Assistindo a menos filmes do que gostaria e tentando manter o número de favoritos na casa dos dois dígitos.

.

¿Dónde están los dislikes?

Últimas opiniões enviadas

  • Diego.

    Um bom filme e uma história que mereceu (e muito) ser contada. Mas eu vou falar de Oscar sim! É fato que o prêmio só foi dado devido à importância da temática, já que como realização cinematográfica Spotlight não traz nada de tão marcante ou extraordinário. O ritmo é arrastado a ponto de fazer o espectador se distrair e perder o fio da meada, como dizem. E isto é algo que não ocorre com os incríveis O Quarto de Jack e Mad Max - Estrada da Fúria. Agora, vou me ater às qualidades do longa de Tom McCarthy. O elenco é fantástico e tal entrosamento mostra-se bastante palpável: há química e todos ali brilham quase que igualmente, com um leve destaque para o versátil Mark Ruffalo. A trilha sonora contribui para o tom aflitivo da obra em meio a algumas descobertas da equipe de jornalistas e a direção é bastante sóbria, desviando dos clichês de produções baseadas em fatos verídicos sempre que possível. De qualquer modo, gostaria de ter achado um filmaço e não foi o caso...

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Diego.

    Nunca acompanhei a série, apesar de ter visto um ou outro episódio ao longo dos anos e, mesmo assim, me senti familiarizado aos personagens e à acidez da maioria das piadas. Em South Park, a zoeira não tem limites, para o bem e para o mal! A começar pelo subtítulo do filme, num duplo sentido hilariante, e nas críticas sempre pertinentes ao american way of life, à política mundial e às celebridades. É bem verdade que a produção pesa a mão na escatologia (e isto é algo que, de fato, me desagrada), mas até dá pra relevar quando não há espaço para o politicamente correto e a ousadia torna-se um de seus maiores trunfos. Afinal de contas, Saddam Hussein morreu muitos anos depois deste longa ter sido lançado, sendo que o tórrido caso de amor entre o ditador e o Capeta acaba por ofuscar os garotos protagonistas da história, rs. Curti as musiquinhas grudentas e a forma como a animação satiriza a si própria, através do polêmico filme de Terrance & Phillip.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Diego.

    La La Land é mais filme do que Moonlight, isso é um fato. O Oscar foi mais político do que nunca e teve toda aquela confusão no instante do anúncio do vencedor, mas nada disso tira os méritos deste drama honesto, sutil e repleto de sentimentos. Primeiramente, adorei o modo como a história se desenrola e a personalidade de Black vai sendo formada aos olhos do espectador com muitas entrelinhas de um segmento para o outro. Você pode até acusar o terceiro ato de ser inferior aos dois anteriores ou dizer que o desfecho é frustrante e tudo mais, mas caso tenha sido tocado pela trajetória de vida do personagem durante todo o filme, vai achar ainda mais admirável e significativa essa quebra de clichês. Mahershala Ali possui fortíssima presença em cena e foi digno dos prêmios que ganhou. Todo o elenco merece aplausos, bem como a fotografia que é extraordinária. E mil vezes Moonlight ter levado a estatueta máxima neste ano do que Spotlight no ano passado, rs.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Bruce Leal
    Bruce Leal

    Nossa, eu segui teu exemplo e passei um tempo sumido, haha
    Também tô tendo alguns contratempos. A Vida adulta atrapalha ver a quantidade de filmes e séries que eu quero, fiquei sem notebook (na verdade, tô de novo), então meu ritmo caiu drasticamente, tô até envergonhado do cinéfilo que eu me tornei haha

    Tenho ido ao cinema sempre que possível. Os últimos filmes que eu assisti em tela grande e gostei muito foram "Blade Runner" (bem melhor que o da década de 80) e "mother!" (Aronofsky é genial e esse já é um dos meus filmes preferidos), e "Baby Driver" e "It", que é muito bom.
    "Fragmentado" eu gostei bastante, não conhecia muito esse universo do Shyamalan, já vi "Corpo Fechado" também e tô no aguardo do final da trilogia.

    Mas enfim, o que eu queria saber mesmo é se já assistiu a última temporada de "Twin Peaks" e o que achou. Preciso falar com mais fãs da série sobre o que eu vi, haha
    Aliás, depois de assistir, eu li um livro da Darkside sobre os bastidores das duas primeiras e recomendo muito, tem uma série de curiosidades muito interessantes. Agora tô lendo um do Mark Frost sobre as histórias secretas de Twin Peaks.
    Até uma próxima! haha

  • Hellen
    Hellen

    Olar!
    Que maravilha! Boas férias, aproveite muito! E muitas novidades por aqui, pq eu me lembro que vc estava sem emprego, né não? hahaha
    Nem me fale, tbm tô nessas! Consigo ver alguns filmes aos fds pq acabo me esforçando pra isso, mas cinema mesmo que é bom, não tenho ido. =/
    Quando eles vem mesmo? Nossa, aqui em cwb tá tendo mto show bom, mas eu não vou em nenhum hahaha *sad*
    Abraços cinéfilos!

    P.s: isso é bom ou ruim? =P

  • Marcello
    Marcello

    Esse "It" parece ser bom, também pretendo assistir. É rapaz, pra nós que adoramos filmes de terror está cada vez mais difícil encontrar coisas boas e interessantes nesses últimos anos. Andei assistindo muito terror dessa última década e a maioria é frustrante. Não é a toa que amo os filmes de terror dos anos 90 pra baixo. Grande abraço mano!