filmow.com/usuario/digdigdig/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > digdigdig
30 years, João Pessoa/PB (BRA)
Usuário desde Janeiro de 2010
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • DiDiDi

    Confesso que tou confuso

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Algumas pessoas que assistiram o filme comigo não concordaram com essa ideia de que o Pascal é realmente o assassino, como algumas pessoas daqui falaram. Discutimos que quando ele fala aquela frase (it's over ~ those girls didn't mean anything to me) é uma mentira, pq primeiro ele parece confuso dela (Moll) ainda questionar o caso todo... como se tivesse tentando entender aquela necessidade da Moll de ter alguém "no mesmo barco", lembrando que ele disse que faria qualquer coisa por ela, daí ele entra na onda dela, só pra dizer que eles eram iguais e bola pra frente, dizendo o que ela queria ouvir. Só que não termina tudo bem, pq ela percebe que ele não matou ngm e tá mentindo...

    Muitas coisas ambiguas, a Moll tb não é nenhum anjo... ela tem um temperamento suspeitoso, vingativa... ela tem aquela mãe meio louca dela... vide a menina da tesourada tratando a Moll como a malvada, a irmã dela chamando ela de ~wild one~, a investigadora chamando ela de falsinha... os sonhos violentos... a morte cruel do coelho...

    Não sei, muitas coisas apontam pra um lado e muitas pro outro, resolvi escrever esse comentário pq ainda não tinha aparecido ngm por aqui pra jogar esses questionamentos que vi em outros sites.

    Ahh! Tbm tem a cena do pêlo no pescoço, que seria uma representação, quando ela arranca o pêlo no inicio = ela estaria domando a fera (beast) e qnd ela deixa lá seria o oposto disso.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • DiDiDi

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Adorei os primeiros episódios, realmente imaginava que eles iam fazer uma espécie de homenagem ao gênero (telenovela) e que aquele quadro ia ganhar um maior significado na evolução de cada personagem, isso não aconteceu... Lá pelo sétimo capítulo tudo ficou muito saturado e maçante, as coisas aconteciam ou muito rápido ou lento demais... pelos últimos capítulos eu já estava odiando cada personagem em especial, ngm evoluiu em nada e a história termina sem mais nem menos... uma pena, era uma ótima oportunidade de utilizar os clichês, trazer o drama pro lado cômico ou reviver/mencionar personagens famosos de outras histórias... ficou tudo muito limitado aos objetibos de conciliar a familia de La Mora e reconstruir as duas Casa de la Flores... só que o roteirista pareceu esquecer disso e só ficou naquela indecisão eterna de quem ia beijar quem a cada capítulo.

    P.s. Os primeiro capítulos (e a trilha sonora) me fizeram lembrar de algo de Desperate Housewives, acho que foi isso que me cativou de inicio.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.