filmow.com/usuario/gilbertoabreu754/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > gilbertoabreu754
26 years
Usuário desde Janeiro de 2014
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Gilberto

    Crazy Rich Asians

    Volta e meia alguma produção Hollywoodiano passa pelo que chato de “euforia momentânea”, a crítica se derrete, o público comparece em peso as salas de cinemas, o longa ganha vários prémios, mas aí tudo isso acaba e ninguém mais se lembra do ocorrido, ainda assim apenas uma pergunta fica na sua cabeça: o que diabos esse filme tem demais?! E a resposta é uma só: NADA.

    Devido aos incontáveis elogios vim assistir “Crazy Rich Asians” como se ele fosse “A” comédia romântica, mas o que encontrei foi algo banal, trivial, comum, ordinário mesmo. Não é ruim, não estou dizendo isso, mas ele é terrivelmente normal, não traz novidades ou diferenciais, é apenas um romance (exageradamente longo e nada engraçado) igual aqueles que são produzidos a atacado todos os anos nos Estados Unidos.

    O único diferencial é o elenco 100% asiático, mas representatividade não significa qualidade, aliás o longa foi um fracasso na China, acredito que o só fez esse sucesso todo no EUA porque os americanos estavam interessados em ver um “espectáculo diferente” de todos aqueles que eles estavam acostumados, com asiáticos ricos ao invés daqueles imigrantes estereotipados que eles estão acostumados no seu padrão de cinema.

    Jon M. Chu com toda a razão nunca foi conhecido por ser um bom diretor, mas apesar de extremamente comum “Crazy Rich Asians” consegue ser seu melhor filme (e não, isso não é uma coisa boa) mas daí a dizer que a produção é “a melhor comédia romântica dos últimos anos”, ou que mereça algum prémio importante é de um exagero sem tamanho, já que o que você assisti aqui é igualzinho aquilo que já viu durante toda a sua vida.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Gilberto

    Robin Hood

    Vivermos na era do “A Origem”, absolutamente todo personagem ou história icônica da cultura pop está ganhando um filme prequel ou uma reimaginação nos cinemas, foi assim com o Batman, com Star Wars, com o Universo Mágico de Harry Potter, com O Rei Arthur e agora com Robin Hood, mas utilizando a velha e esfarrapada desculpa de nos “mostrar uma história nunca contada”, Hollywood continua apenas requentando mais do mesmo.

    Sempre gostei da história de Hood e adorei ainda mais saber que Taron Egerton o viveria nessa nova versão, mas confesso que tinha medo do filme se tornar apenas mais um emaranhado de cenas de ação, o que de fato aconteceu, apesar de não ser esse desastre que muitos fizeram questão de dizer, não é aquilo que eu esperava.

    Como pontos positivos da produção temos um background bem interessante, a questão das cruzadas, da opressão do Xerife de Nottingham e o treinamento de Robin foram muito bem executados, o personagem é mostrado como muito habilidoso e inteligente como tinha que ser, e a trilha sonora de Joseph Trapanese se casa muito bem com as cenas.

    Mas infelizmente os pontos negativos são muito significativos, o roteiro é previsível e pouco inspirado, os personagens com exceção de Robin e John não possuem nenhum aprofundamento, o vilão é vazio e clichê, e as cenas das Cruzadas são recriadas como se fossem da Guerra do Iraque, mas o que mata toda a produção é o péssimo figurino e caracterização, as roupas são modernas demais, os cabelos e barbas são iguais aos usados em 2018, algo impensável para um filme que se passa durante a Terceira Cruzada NO SÉCULO XII, isso pode parecer algo insignificante, mas foi o que mais incomodou durante toda a produção.

    Volto a afirmar, o “Robin Hood” de 2018 está longe de ser essa bomba que muitos pintaram, tudo bem que ele não tem o charme do filme do Costner ou a maturidade do de Crowe, mas encontra sim seu lugar ao sol, o elenco é bom, a história é aceitável e as cenas de ação competentes, mas a imaturidade de Otto Bathurst prejudica o todo devido a decisões desastrosas, uma pena que nem a crítica e nem o público embarcaram nessa nova proposta.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Gilberto

    Commando

    Não se fazem mais filmes como antigamente, isso é um fato e não há contra-argumentos, “Commando” é cria de uma época onde Hollywood não tinha vergonha de ser ridícula, mas é claro que o público daquela época tinha outra cabeça e por isso que para curtir essa história você precisa desligar certos conceitos e preceitos.

    Gente sejamos honestos Schwarzenegger é um péssimo ator, não me apedrejem eu adoro o nosso bom e velho T-800, mas ele é apenas um brucutu carismático e nada mais que isso, seu John Matrix tem o rosto engessado sendo incapaz de demonstrar o mínimo sentimento mediante ao sequestro da filha.

    O filme tem um roteiro de meia página e cenas completamente absurdas e irreais, mas o que em outras produções seria o motivo de decadência aqui é exatamente o oposto, e nesse exagero que reside o charme do longa, cada feito de Matrix é uma gargalhada diferente.

    Completamente descompromissado com a realidade ou com a lógica. “Commando” é para aqueles que só querem ver dois metros de músculos batendo em tudo que vê pela frente, o longa ainda possui uma aura oitentista que o diferencia das produções atuais, e talvez seja essa nostalgia que o faça mais atraente aos olhos do que ele verdadeiramente é.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Felipe Avelar
    Felipe Avelar

    Ola sou novo aqui no filmow, e já estou postando algumas críticas e adorei. Sinceramente você é bom no que faz, gostei de ler suas críticas sobre a quadrilogia Tubarão. Espero que aceite minha amizade e espero que possamos trocar conversas a respeito da sétima arte. Vou continuar lendo suas cíticas e espero que você um dia possa ler as minhas.

  • Rafael Gazola Ghedini
    Rafael Gazola Ghedini

    Ola gostaria de lhe adicionar a minha lista de amigos pois li algumas de suas criticas no site e gostei muito.

    Agurado resposta.
    Abraços!!

    Att.

  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.