Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > ileoncio
22 years, Rio Grande do Sul (BRA)
Usuário desde Janeiro de 2014
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Ileon Ripinski

    Uma visão sarcástica da compulsão que as pessoas tem de encontrar a sua cara metade por medo da solidão e de não se "encaixar", e também daquelas que por não conseguirem, fazem de tudo para amargurar quem consegue.
    Afinal, de onde vem essa ideia toda de que não é possível ser feliz sozinho? Ou de que já que eu não consigo, o outro também não deve?
    Perdi a conta de quantas vezes já ouvi alguém dizer: "Aquela pessoa está sozinha até hoje, o que será que há de errado com ela?" Bem, não há nada de errado com ela, há algo de errado com quem pensa assim.
    Filme necessário na realidade atual e ótimo para refletir e desconcertar os pensamentos.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Ileon Ripinski

    Foi impossível não me identificar com os momentos de solidão de Mariana e Martín. Amei as reflexões que o filme traz nos pensamentos dos dois e acabei achando um sentido para Wally o qual nunca havia pensado. Me deixou com um vazio existencial <3

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    "Num ato simples e irreversível me desprendo de 38,9MB de história. Quem dera minha cabeça funcionasse bem como o Mac. Quem dera um simples clique me fizesse esquecer de tudo."

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Ileon Ripinski

    Um filme infelizmente necessário por conta do fanatismo religioso e de algumas pessoas que insistem em ser ignorantes quanto a homossexualidade. Mostra como os discursos que estão soltos por aí machucam as pessoas sem que os disseminadores destes discursos nem o percebam. E, indo mais além, não se trata só da homossexualidade, mas de todos os tabus presentes na nossa sociedade ainda, os quais não são quebrados por falta de empatia e de sair do seu próprio mundo e procurar pontos de vista diferentes dos seus. É um filme dolorido, e cumpre seu objetivo. Só não dei mais estrelas porque achei que foi muito corrido pra contar uma história tão sensível e porque não gostei da execução de algumas cenas.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Nenhum recado para Ileon Ripinski.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.