filmow.com/usuario/josephie_joseph/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > josephie_joseph
(AUT)
Usuário desde Abril de 2012
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Josephine Joseph

    Singela homenagem ao irretocável clássico "Freaks", de Tod Browning, escrita e produzida por David Friedman, um dos papas do cinema exploitation, fã declarado do filme de 1932 e de espetáculos itinerantes, "She Freak" é uma joiazinha tosca.
    Dirigida por Byron Mabe, não apresenta nudez ou violência mais explícita. Ponto negativo? Pois bem, apesar das evidentes restrições orçamentárias da produção, "She Freak" consegue passar sua atmosfera circense com sucesso. E mais, as maquiagens das aberrações são relativamente convincentes e um sentimento de doença e danação infecta todo o filme como que escondido por trás das distrações "inofensivas" do parque.
    Pra fechar,

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    a aparição da protagonista transformada em aberração

    é, no mínimo, inquietante. Vale.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Josephine Joseph

    Ok. A recorrência constante à música de contorno oriental, às vezes, dá no saco; e se a narração em off e captação de imagens parecem datar o filme, por outro lado remetem à possível caracterização de formatos documentais cuja a pseudo-veracidade tanto fascinava os espectadores/voyeurs dos anos 60. Dito isto, "White Slave of Chinatown", primeiro filme da "série Olga", pode ser considerado a pedra fundamental dos "kinkies", vertente do exploitation mais centrada no caráter fetichista de libertinos em seu jogo sexual de dominação sadomasoquista. A obra de Mawra estabelece clichês que iriam marcar boa parte das posteriores produções conhecidas como w.i.p. (women in prision) e suas variações, muitas vezes exemplificadas pelos nazi e nunsploitation. É História.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Josephine Joseph

    Eis a questão central de "Vase de Noces": até que ponto o ser humano é diferente dos outros animais? Ou até que ponto os outros animais diferem dos seres humanos? Ver este filme e deixar que tais questionamentos sejam eclipsados por temas como a zoofilia e a coprofagia é tão equivocado quanto ler "Lolita" e, focado na pedofilia, ignorar a paixão deslumbrante que jorra do texto de Nabokov.
    No decorrer da obra, o espectador mais sensível vivencia uma organicidade quase palpável. Seu clima estranhamente onírico é ressaltado por uma trilha sonora dialética. A fotografia, de um preto e branco muito bonito, trabalha com todos os elementos em cena, que parecem escolhidos a dedo: cenário, figurino e até a cor dos bichos contribuem na criação de uma fugaz harmonia quase tátil. Os enquadramentos, muitas vezes de uma simetria encantadora na interação com o ambiente do filme, são belos e representativos; dentre outras coisas, extremamente eficazes em certos objetivos, como a "humanização animal", por meio de "closes". No mais, a interpretação do protagonista é muito boa, provocando a imersão de quem o acompanha em seu mundo particular, onde hábitos se fundem aos instintos.
    "Vase de Noces" trabalha a dicotomia homem/animal de forma tão poética que seu desfecho leva à outra questão: seria o homem o pior dos bichos? E mais: seria a solidão humana fruto da tamanha maldade que lhe é natural? Diante disso, nem é paradoxal que um exercício cinematográfico tão válido se utilize de crueldade real contra animais para seus fins.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

  • Thiago Freak
    Thiago Freak

    Olá!
    Vi completo no youtube:
    www.youtube.com/watch?v=z52-C08I7rc
    Mas está legendado em inglês.

  • Wesley PC>
    Wesley PC>

    Vi o filme do Gordon Hessler na Tv aberta. Passou na Band, madrugada de sábado passada. Ontem, inclusive, rolou um filme obscuro do Billy Wilder. Surpresas! (WPC>)