Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

filmow.com/usuario/luizmatos/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > luizmatos
33 years, SÃO PAULO - SÃO PAULO (BRA)
Usuário desde Abril de 2011
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Um apaixonado por Cinema em todos os gêneros e épocas.

Últimas opiniões enviadas

  • Luiz

    A cena que mostra uma sangrenta briga de dois cachorros é falsa, segundo o diretor foi filmado num quintal de uma casa de amigos em Los Angeles, é o que ele chama de truques de edição, sangue falso e efeitos sonoros, os cachorros não se feriram. A trilha de comentários na edição em Blu-ray do diretor John Alan Schwartz (Aka Conan Le Cilaire) revela diversos aspectos do filme, curiosidades e inclusive quais cenas ele próprio aparece em diversas vezes como figurante, numa das cenas próxima ao final do filme, aparece toda a equipe de filmagem, é a cena que recria um set de cinema, mostrando uma acrobacia com dublês e carros que dá errado. Numa outra curiosidade, o diretor conta que sua mãe tinha falecido de câncer poucos dias antes das filmagens, e que tal processo de enfrentar a morte e lidar com o assunto serviu como uma espécie de terapia, ele conta também que numa das cenas seu pai aparece como um choffer que chega em cena dirigindo um carro que traz um suposto matador de aluguel para uma entrevista (interpretado por ele próprio Schwartz). A primeira cena filmada para o filme como teste, foi a autopsia do corpo que aparece no começo do filme, do qual ele apresentou para os investidores japoneses que aprovaram e disseram que queriam mais disso, só que não queriam apenas as imagens, eles queriam também as histórias, de como tais situações aconteceram, foi aí que então, diretor e sua equipe começaram a garimpar materiais de arquivos, filmagens, ou mesmo filmar algumas situações reais de abetodouros, necrotérios entre outros, sempre com autorização das autoridades locais ou responsáveis, incluindo um famoso chefe do IML de Los Angeles na época que até aparece em entrevista. Para alguns materiais escassos eles criaram estórias falsas, filmaram tudo com figurantes e editaram como cenas de emenda em materiais reais, inclusive unindo imagenss de duas situações diferentes como se fossem uma coisa só ou mesmo na grande maioria cenas totalmente encenadas como o jantar de cerebro de macaco, canibalismo na seita religiosa, execução por decapitação e cadeira eletrica, corpos destroçados num acidente de trem do qual o único material real é só a filmagem aérea do desastre. Outras cenas falsas, ataque do urso, ataque do crocodilo, tiroteio em frente a casa, depois a filmagem interna com as pessoas mortas no chão, cena do acrobacia de dublês com carros que dá errado no set de cinema, os mineiros que se acidentam numa mina (o diretor é um dos homens do resgate). As cenas que mostram tribos indigenas próximo do começo do filme, são filmagens com cerca de trinta anos de diferença entre elas, e foram editadas parecendo uma coisa só, a cabeça humana encolhida mostrada ao fim deste trecho é falsa e foi filmada para ser enxertada na filmagem. O diretor elogia o ator e narrador Michael Carr que interpreta o Dr. Francis B. Gross, dizendo que ele foi excelente profissional e que deu personalidade ao filme, mas que após o terceiro filme ele decidiu se desligar da série por querer fazer coisas que fossem mais "amigavel da família", de o O Pior de Faces da Morte em diante eles (quarto filme na cronologia) criaram uma estória no qual Dr. Gross tinha falecido, e seu trabalho passou ser continuado por um aluno chamado Dr. Louis Flelis interpretado por James B. Schwartz, irmão do diretor. Ao se assistir ao primeiro filme de Faces da Morte com os comentários de seu principal realizador fica nítido que existe muito mais misticismos em cima da série e que muita coisa não é nada do que aparenta ser (a série teve 8 filmes ao todo). Quando questionado a respeito das inúmeras imitações de Faces da Morte que existem aos montes no mercado de home video, Schwartz disse ter visto alguma coisa ou outra, mas que seus filmes de Faces da Morte são filmes de fato, com musica, atores, um sentido narrativo, efeitos especiais, uma fotografia (muitas vezes feita de uma forma para parecer video amador, e algo que vá além da pura e simples exploração. Um dos editores do filme, James Roy, disse o seguinte em entrevista, "Faces da Morte é uma forma de olhar para todo um outro lado da vida, de que tais coisas existem, e mesmo que sejam desagrávadeis de ver num primeiro momento, talvez não devessemos fechar os olhos para isso, talvez devemos olhar mais de perto, é a realidade, quer aceitemos ou não. Ele também menciona que houveram conteúdos que não entraram na montagem final do filme devido a própria equipe considerar muito pesado, e inclusive ele próprio foi uma espécie de censurador decidindo o que entrava ou não na montagem.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Alex Gonçalves
    Alex Gonçalves

    Luiz, saudações cinéfilas!
    Como vai?

    Gostaria de convidar você para conhecer o meu canal no YouTube, Cine Resenhas, por Alex Gonçalves. Caso curta os vídeos, também faço o convite para se inscrever, pois o conteúdo é totalmente independente e o apoio vindo com as novas inscrições é essencial para mantê-lo.

    Link do canal: www.youtube.com/c/CineResenhas

    Obrigado pela atenção. ;-)

  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

  • Alan Guimarães
    Alan Guimarães

    Oi, Luiz, obrigado pela curtida, espero que goste da lista. Abraços.