Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

filmow.com/usuario/saviorandy/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > saviorandy
22 years (BRA)
Usuário desde Agosto de 2013
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Filho de Djaine e Anderson. Irmão de Rachel, Samuel e Kael. Discente de Comunicação na UFRN. Aspirante a cinéfilo. Não sei nem andar, quanto mais dançar.

Colaborador em:

https://facebook.com/vivonocinema/

http://setcenas.com.br/

Outrora em:

https://facebook.com/fatoscinema/

http://docaspop.oportaln10.com.br/

http://www.agendanatal.com.br/

Se adicionar, deixa um recadinho pra gente. Abraço pra quem é de abraço e beijo pra quem é de beijo. ^^ :*

Últimas opiniões enviadas

  • Sávio

    Francofonia está para a França e o Louvre, assim como Arca Russa está para a Rússia e o Hermitage. Enquanto filmes são muito diferentes, o segundo é uma viagem onírica pela história do museu e da Mãe Rússia, este daqui traça um caminho mais palpável na relação entre Jacques Jaujard e o Conde Wolff-Metternich, mostrando a luta e parceria destes em função da preservação da arte enquanto a guerra assolava a França. Aqui a pressa daquele incrível plano-sequência dá lugar a um passeio mais detalhado pelo museu, dando voz à personagens, em especial às excêntricas aparições de Napoleão Bonaparte. A narração transcendental se Sokurov é outro elemento que merece louvor, e tem total harmonia com as imagens que se apresentam. A cena final é lindíssima e muito sintônica com a intencionalidade do fime. Mais uma vez as artes plásticas e o cinema num belo relacionamento.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Sávio

    Blow Out é tudo aquilo que esperávamos de Blow Up e ele não foi, não digo isso comparando os dois filmes, até porque eles são completamente diferentes, mas apenas em função da homenagem que um rende ao outro. Um profissional captura um possível crime, isso acontece em ambos os filmes mas no primeiro não é assunto central, no segundo, sim! Blow Out é um suspense extremamente bem construído e ainda mais interessante por ser passar em meio a produção de cinema. De forma muito bem construída a narrativa se desdobra e prende exemplarmente o espectador. A resolução é forte mas me foi meio agridoce, de todo modo, não há como negar que a cena final é incrível. Ótimo filme, vida longa a De Palma e uma volta à boa forma!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Sávio

    O filme me apresentou a cena do rock inglês entre meados dos anos 70 e começo dos anos 90, tendo Tony Wilson como fio condutor da trama. Não conhecia quase nada da cena além dos nomes de algumas bandas então ele me foi didático assim como Velvet Goldmine é pro glam rock. Dos Sex Pistols a Hacienda por meio da figura excêntrica de Tony Wilson, com uma narrativa tresloucada e cheia de mentiras que a gente gosta de assistir. Curto a narração e as quebras da quarta parede, foi um formado bem escolhido e bem executado. Claro que a quem conhece os temas deve ser muito mais interessante, mas recomendo a qualquer um que se interesse por temas diversos e narrativas inventivas.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.