filmow.com/usuario/viniciusmontano/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > viniciusmontano

Usuário desde Setembro de 2015
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Vinicius

    O brasileiro Carlos Saldanha embarcou em solo hollywoodiano pra dirigir animações que consagraram sucesso como A Era do Gelo 1, 2 e 3 e Rio 1 e 2, como também produziu esses filmes de animação que fizeram sucesso mundo afora. Agora ele parte para uma nova empreitada, que é a animação 'O Touro Ferdinando', pra alegrar suas férias de início de 2018 trazendo as vozes de John Cena, Kate McKinnon, Bobby Cannavale, Diego Luna entre outros.

    A trama conta a história de Ferdinand, um pequeno touro, prefere estar sentado tranquilamente sob um sobreiro, apenas sentido o perfume das flores, à sair pulando, bufando e batendo de frente com outros touros. À medida que Ferdinand cresce grande e forte, seu temperamento permanece calmo, mas um dia, cinco homens vêm para escolher o "maior, mais rápido e mais forte touro" para as touradas em Madrid e Ferdinand é erroneamente escolhido.

    O roteiro é bastante afiado, que traz altas piadas, dramas familiares, aquela velha parte clichê que quer ser melhor que todo mundo, uma história agradável que promete agradar a todos os gostos, uma trilha sonora fantástica incluindo a que foi indicada recentemente ao Globo de Ouro 2018, 'Home' cantada por Nick Jonas que eu gostei do jeito que foi cantada, música gostosa de se ouvir e ótimos efeitos especiais.

    Os personagens tem de tudo que você pode curtir, do hilário ao emotivo. O Touro Ferdinando é um personagem carismático, cômico e você torce pra cada rumo que o personagem toma. A cabra Lupi tem ótimos lances em cena com o touro. A menina Nina é doce, meiga e leal. O touro Valente é o malvadão do filme, que quer sempre gozar do Ferdinando. Os ouriços Una, Dos e Quatro são os personagens que roubam bem a cena do filme, é estilo Os Pinguins de Madagascar.

    O Touro Ferdinando é uma animação surpreendente, com uma bela mensagem de amadurecimento e bastante humor. 2018 está sendo uma aposta muito alta em animações.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Vinicius

    Conhecido pelos seus trabalhos nos filmes de sucesso 'Orgulho e Preconceito' e 'Desejo e Reparação' ambos indicados ao Oscar o diretor Joe Wright Agora tenta mais uma vaga no Oscar 2018 agora em 'O Destino de Uma Nação', filme baseado em fatos reais que fala sobre a trajetoria de Winston Churchill de uma maneira sombria, trazendo no elenco Gary Oldman na qual tenta uma vaga de melhor ator ao Oscar 2018, será que ele leva?

    Winston Churchill (Gary Oldman) está prestes a encarar um de seus maiores desafios: tomar posse do cargo de Primeiro Mnistro da Grã-Bretanha. Paralelamente, ele começa a costurar um tratado de paz com a alemanhã Nazista que pode significar o fim de anos de conflito.

    O filme tem um início com uma espécie de documentário filmado há muitos anos, carece de um roteiro preguiçoso que torna desinteressante, tem pontas interessantes como citações do ataque dos alemães na qual os ingleses partem pra cima deles na praia de Dunkirk, tema mostrado recentemente no filme Dunkirk de Christopher Nolan, a trilha sonora é bem fraca e a edição tem algumas cenas de alívio cômico desnecessárias tirando a importância do tom do filme que é sério, dramático e sombrio.

    As atuações são o ponto mais alto do filme. Gary Oldman é o único que carrega tudo que tem que fazer no filme, sua maquiagem pra ganhar os quilos achei bem feita. Lily James como a secretária assistente de Winston Churchill é bastante aproveitada em cena. Já Ben Mendelsohn como o Rei Georgie VI numa atuação segura que sai da zona de conforto de fazer vilões no cinema. No elenco temos boas participações de Kristin Scott Thomas, Stephen Dillane e Ronald Pickup.

    Com uma direção de arte boa, figurino modesto, mas com uma fotografia bem ofuscada 'O Destino de Uma Nação', é um filme que só vale de fachada para Gary Oldman concorrer ao Oscar de melhor ator, como também em maquiagem que é o ponto mais alto do filme. No mais o seu desfecho é muito corrido, portanto um filme morno e esquecível daqui a algum tempo.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Vinicius

    Depois do mega sucesso de O Despertar da Força, que deu início a uma nova era na franquia Star Wars dessa vez nas mãos da Disney que comprou a Lucasfilm em 201'2 para lançar vários filmes do universo Star Wars e recentemente também a Fox que agora tá nas mãos do Mickey Mouse. E aqui vamos nós para o segundo filme da nova trilogia nas mãos da Disney, no episódio 8 de 'Star Wars: Os Últimos Jedi', agora sob a direção de Rian Johnson('Looper: Assassinos do Futuro') e o retorno de J.J.Abrams que dirigiu o episódio anterior confirmado no episódio 9, cujo seria de Colin Trevorrow('Jurassic World'), mas ele foi demitido devido ao seu roteiro não ter sido convencido pra trama.

    Na trama, após encontrar o mítico e recluso Luke Skywalker (Mark Hammil) em uma ilha isolada, a jovem Rey (Daisy Ridley) busca entender o balanço da Força a partir dos ensinamentos do mestre jedi. Paralelamente, o Primeiro Império de Kylo Ren (Adam Driver) se reorganiza para enfrentar a Aliança Rebelde.

    O filme traz de volta o universo Jedi agora mais ousado, o primeiro ato até que é legalzinho, tem profundidade muito importante sobre Luke Skywalker uma das promessas mais altas desse filme, com flashbacks que te surpreendem muito, o roteiro é brilhante, mostra o perfil dos personagens, e também a ousadia que a trama nos cerca, recheada de spoilers que não posso soltar de jeito nenhum.

    Os efeitos especiais são belissimos, mostrando que a Disney não errou feio no brilho, cenas de batalha de arrepiar, com uma trilha sonora que você se empolga horrores e dizendo que valeu matar a saudade do anterior. O terceiro e último ato, fez a gente ficar de cabeça em pé, emocionante e de aplaudir sentado.

    O elenco é espetacular. Daisy Ridley como Rey, voltou com tudo, a rainha da nova trilogia. John Boyega como Finn e Oscar Isaac como o piloto Poe Dameron tem mais espaço em cena. Adam Driver como Kylo Ren, mostra que está cada vez mais maligno e tem muitas surpresas sobre seu personagem. Andy Serkis como o Supremo Líder Snoke agora tem mais tempo de cena e com enquadramento bem detalhado.

    Os novos rostos no elenco não fazem feio não. Laura Dern como a Almirante Holdo, aparece pouco mas abre uma chave de ser a substituta da princesa Léia depois da morte precoce de Carrie Fisher no final do ano passado, Benício Del Toro como DJ numa atuação louca e cômica de pouco destaque, mas abre chave para próximos filmes na franquia e Kelly Marie Tran como Rose Tico ganha novo espaço na trama como uma piloto asiática rebelde e desenvolve uma ótima quimica com o Finn.

    A saudosa Carrie Fisher numa última interpretação de quase arrancar lágrimas assim como Mark Hamill que ressurgiu das cinzas como Luke Skywalker, trazendo também os veteranos C-3P0, R2D2 e os Porgs(apesar de inútil) não tira o sério.

    Star Wars Episódio 8: Os últimos Jedi, tem uma direção mais forte, pesada e emocionante que dá novas inovadas na franquia. Mantem-se no mesmo patamar de 'O Despertar da Força', mas com uma profundidade cheia de reviravoltas impressionante, colcha de retalhos e cenas de ação espetaculares. Incrível e claro pela última vez vemos Mark Hamill e Carrie Fisher juntos, já que a atriz que interpretou a princesa Léia não está mais entre nós.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • eu
    eu

    Gostei do seu gosto.

  • Jean César
    Jean César

    Obrigado por aceitar, Vinicius, e ai tudo bem contigo? o que tem visto de bom?

  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/