filmow.com/usuario/voeudesilence/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > voeudesilence
23 years (BRA)
Usuária desde Junho de 2012
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

A louca dos documentários. Gosto de urros, coisas quentes e lacunas existenciais.

"Estirpe miserável e efêmera, filhos do acaso e do tormento! Por que me obrigas a dizer-te o que seria para ti mais salutar não ouvir? O melhor de tudo é para ti inteiramente inatingível: não ter nascido, não ser, nada ser. Depois disso, porém, o melhor para ti é logo morrer" (Nietzsche, O nascimento da tragédia)

instagram.com/moralinfrei

Últimas opiniões enviadas

  • Desirée Lefundes

    Engraçado, vejo todo mundo dizendo que o Noé conforme descrito no filme virou um tirano, e etc., mas para mim a impressão que ficou foi a de que o homem é incapaz de ser Deus. O homem, por si só, faz a justiça através da crueldade, ou através da complacência, o 08 ou o 80. E em Deus a justiça está em seu equilíbrio.
    À Noé foi dada a missão de ser frio e racional, esse foi seu papel. Se ele não tivesse a capacidade de ser racional, não seria capaz de fazer a justiça. Assim como um juiz muitas vezes não é capaz de dar vitória à alguém, sem condenar outro alguém. Mas a justiça de Noé era temporária, na verdade ele nem mesmo estava fazendo justiça, ele estava auxiliando na justiça de Deus e por um instante achou que a justiça era sua. Aí começou seu erro. Vocês acham que Noé seria capaz de auxiliar nos planos de Deus se ele não tivesse enxergado toda a desgraça da raça humana e perdido a fé? Deus deu a ele visões que o fizeram capaz de deixar todas pessoas fora da arca, mas Deus também encheu seu coração de compaixão quando foi o momento de agir com compaixão, assim como a personagem da Emma disse. Porém, eu não julgo Noé. Não é fácil entender a vontade de Deus. Para a humanidade, a vida não é um calculo matemático com formulas para todas as situações.
    Em síntese, se for para encarar esse filme como uma crítica, na minha opinião ele é uma crítica à nossa incapacidade de sermos equilibrados, sempre pendendo entre a extrema complacência e o extremo niilismo.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Desirée Lefundes

    Não gostei da modernização do figurino. Uma das coisas que mais me cativou na primeira temporada foi justamente ele. Achei que para uma série com tantas temporadas dava pra ter adiado essa modernização por mais tempo.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.