A Real Nave Itália no Rio Grande do Sul

1924

A Real Nave Itália no Rio Grande do Sul

Média geral 4.0
baseado em 2 votos
Sua avaliação:
salvando
26 minutos

Fotografia do rei Vittorio Emanuele III. O navio Italia, antigo König Albert, sob o comando do Conde Carlos Grenet e com o embaixador italiano Giovanni Giuriati, entrando no porto de Rio Grande, no dia 2 de maio: convidados e grupos de reservistas italianos para a sua recepção; populares e autoridades, representantes de sociedades e das cidades de Cachoeiro e Pelotas, banda de música, inclusive um representante do fascismo de Caxias, presentes à recepção. Cais Velho e o Porto Novo. O monsenhor Lombardi que acompanha o navio. O vapor Rio Grande, posto à disposição pelo governo do Estado; banquete a bordo do Rio Grande, oferecido pelo embaixador e outro de estudantes porto-alegrenses aos estudantes italianos representados por Franco Passigli. A Praça Tamandaré e o monumento a Bento Gonçalves. Esculturas, pinturas e móveis em exposição no passadiço do navio italiano. A 5 de maio, recepção popular em Pelotas ao embaixador, com desfile de automóveis e partida de futebol entre os times de Pelotas e de Rio Grande. A fachada do Teatro Guarani. A partida; saudação fascista; e o navio saindo da barra. Fotografias do poeta Gabriele d'Annunzio e de Benito Mussolini, ladeando o brasão da Casa de Savóia.

Estreia Mundial:
1924
Outras datas

Elenco de A Real Nave Itália no Rio Grande do Sul

Nenhum.
Denunciar algo errado
Trailers
  • Nenhum trailer cadastrado.
Fotos
  • Nenhuma foto cadastrada.

Comentar: