Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Brad Wilk
5Número de Fãs

Nascimento: 5 de Setembro de 1968 (50 years)

Portland, Oregon - Estados Unidos da América

Bradley J. "Brad" Wilk (nascido em Portland, Oregon, 1968) é um baterista norte-americano, mais conhecido por ser membro dos grupos Rage Against the Machine e Audioslave e atualmente The Smashing Pumpkins.
Junto com a Rage Against the Machine, Brad alcançou o sucesso e passou por situações interessantes como o protesto na edição de 1996 do festival Lollapalooza na Filadélfia, Pensilvânia, quando todos os integrantes da banda subiram ao palco completamente nus, e não tocaram nenhuma música durante todos os 15 minutos reservados à apresentação, mas ficaram simplesmente parados com fitas pretas cobrindo a boca e cada um trazia estampada no peito uma letra. Em ordem da esquerda pra direita Tim Commerford, com a letra P, Zack de la Rocha, com a letra M, Brad Wilk, com a letra R, e Tom Morello, com a letra C, estas letras significam Parents Music Resource Center, comitê americano que tem por objetivo alertar os pais sobre o acesso das crianças à música considerada inapropriada. A banda tomou esta atitude por considerar que estava sendo alvo de censura.
Outra passagem memorável foi a gravação do clipe da música "Sleep now in the fire", em 26 de janeiro de 2000 que ocorreu em Wall Street, centro financeiro de importância mundial. As filmagens foram iniciadas sem o conhecimento das autoridades e por isso o fato virou caso de polícia. O diretor Michael Moore possuía somente uma autorização para a realização de um vídeo, e não de uma apresentação com áudio amplificado, o que provocou muito tumulto e interrompeu transações milionárias. Por conta da confusão a bolsa de valores de New York fechou mais cedo e a tarde terminou com diretor e músicos levados pela polícia.
Com esta banda Brad lançou ao todo quatro álbuns de estúdio, são eles: “Rage Against The Machine” (1992), “Evil Empire” (1996), “The Battle of Los Angeles” (1999) e “Renegades” (2000). A banda teve fim em 13 de setembro de 2000, realizando sua última apresentação no Grand Olympic Auditorium em Los Angeles, Califórnia, pois Zack decidiu partir para carreira solo.
Wilk estava na Rage Against The Machine principalmente pela música e nem tanto pela política como os outros membros. Passando a declarar-se anarquista.
Brad provavelmente era o músico mais completo da banda, tocando além da bateria, guitarra, contrabaixo e um pouco de piano, além de também ser compositor. Ele é o autor de "Sleep now in the fire", um dos grandes sucessos da RATM, posteriormente escreveu a música "Snoop Bounce (Roc N Roll Remix)" gravada por Snoop Dogg e a música "Momma Sed", gravada por Maynard James Keenan em seu projeto paralelo Puscifer, esta em parceria com outros autores, incluindo Tim Commerford.
Desde o início de sua carreira Wilk é patrocinado pela Gretsch Drums, marca da qual ele é um fervoroso entusiasta.
Em 2001 o produtor musical Rick Rubin propôs a Brad e aos outros membros restantes da extinta Rage Against The Machine, uma união com o cantor Chris Cornell, ex-vocalista da também extinta Soundgarden, para formar uma nova banda. Daí surgiu a Audioslave.
Em 19 de novembro de 2002 a Audioslave lançou seu primeiro álbum auto-intitulado, que lhes rendeu um disco de platina triplo. Com a Audioslave, Brad tocou durante seis anos, e conquistou um público diferente daquele que frequentava os shows da RATM. No dia 06 de maio de 2005 a Audioslave entrou para a história como a primeira banda de rock americana a realizar uma apresentação em Cuba. Neste show gratuito a banda tocou músicas do primeiro cd e também algumas músicas então inéditas do álbum “Out of Exile” que só seria lançado no dia 23 de maio daquele ano. O público em Havana ficou em cerca de 70 mil pessoas; e posteriormente a gravação deste evento foi lançada em DVD. Com esta banda Brad lançou três álbuns de estúdio: “Audioslave” (2002), “Out of Exile” (2005) e “Revelations” (2006).
Em fevereiro de 2007, o cantor Chris Cornell deixou a banda, colocando um ponto final oficial na história da Audioslave. Dois meses depois, em 29 de abril de 2007, o Rage Against the Machine se reuniu para tocar no Coachella Valley Music and Arts Festival, na Califórnia. Apesar de a reunião ter sido pensada para um evento único, a banda continuou a realizar apresentações ao redor do mundo, tocando em grandes festivais incluindo o Lollapalooza em Chicago, e uma passagem pelo Brasil em 09 de outubro de 2010 para tocar no festival SWU, sendo esta a primeira apresentação da banda no país.
Wilk continuou tocando com a Rage Against the Machine, mas no início de 2013 foi escolhido para ser o baterista no álbum de reunião da Black Sabbath, substituindo Bill Ward, baterista original da banda que teria desistido por questões financeiras.
No final de 2014 Wilk foi anunciado como baterista que acompanharia a banda The Smashing Pumpkins na curta turnê do disco, Monuments to an Elegy, esta turnê começou em Berlim e fez passagens por Londres, Paris e Nova York, além de participar das edições Latino americanas do Festival Lollapalooza 2015 se apresentando no Chile, na Argentina e no Brasil no período entre 14 a 29 de março. A atuação de Wilk nestes shows recebeu crítica positiva.
Cônjuge: Selene H. Vigil (desde 2005)

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.