Esta é Fina

1948

Esta é Fina

Média geral 0.0
baseado em 0 votos
Sua avaliação:
salvando

Dois homens se hospedam no tradicional e glamouroso Hotel Copacabana, onde desfrutam de toda a mordomia. Um deles se apaixona por uma jovem, mas ela não mostra interesse. Depois de vários números musicais, como os das divas Aracy de Almeida e Linda Batista, entre outras , finalmente surge o amor entre eles e termina tudo cor-de-rosa.
Produção: Victor de Barros - Financiador: Mário Falaschi - Argumento.- Gita de Barros - Fotografia: Antônio Gonçalves - Som: Victor de Barros - Direção de 5 números musicais: Moacir Fenelon
Números musicais: "Falta um zero no meu ordenado" (Ari Barroso e Benedito Lacerda) com Francisco Alves; "Caminhemos" (Herivelto Martins) com Cláudio Nonelli; "É com esse que eu vou" com Quatro Ases e Um Curinga; "A mulata é a tal", Joel e Gaúcho; "Quatro para agarrar o homem" (Antônio Almeida) com Nuno Roland; "Baiana escandalosa" (José e M. Batista) com Dircinha Batista; "Enlouqueci" (Waldomiro Pereira, João Sales e Luís Soberano) com Linda Batista; "Princesa de Bagdá" (Haroldo Loobo e David Nasser) com Nelson Gonçalves; "Minueto" (Benedito Lacerda e Herivelto Martins) com Trio de Ouro; "Gabriela" (Romeu Gentil e W. Goulart) com Marlene; "Não me diga adeus" (Paquito, Correia da Silva e Luís Soberano) com Araci de Almeida, "Tem gato na tuba" (João de Barro e Alberto Ribeiro) com Nuno Roland.
Intérpretes: Mesquitinha, Cláudio Nonelli, Hortência Santos, Olivia de Carvalho, Manoel Vieira (papel duplo), Badu, Augusto Aníbal, Telmo Faria, Jaime Faria Rocha, Carlos Cotrim, Perpétuo Silva Filho, João Martins, Fialho de Almeida, Francisco Alves, Blecaute, Joel e Gaúcho, e outros.
Sinopse: Dois indivíduos prontos se vêem instalados no Hotel Copacabana, com toda a mordomia. Um deles se apaixona por Lima jovem que não o quer, para que não se diga que há. interesse. Depois de várias soluções, entremeados por números musicais, a situação se esclarece e termina tudo cor-de-rosa.
Observações: Filmado em 7 dias, nos Estúdios da Cinédia, num total de 10 dias. Estreou no Rio de Janeiro a 21 de fevereiro de 1948 nos cinemas São Luiz, Vitória, Rian, Carioca, Icaraí e Monte Castelo. Em São Paulo, a 11 de fevereiro de 1948 no Bandeirantes.

Estreia Brasil:
11 de Abril de 1948
Outras datas
Denunciar algo errado
Trailers
  • Nenhum trailer cadastrado.
Fotos
  • Nenhuma foto cadastrada.

Comentar: