Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > John Grisham

John Grisham

Nomes Alternativos: John Ray Grisham Jr.

49Número de Fãs

Nascimento: 8 de Fevereiro de 1955 (63 years)

Jonesboro, Arkansas, Estados Unidos

é um escritor estadunidense. É o sexto escritor mais lido nos Estados Unidos da América, segundo a Publishers Weekly.
É ex-político e advogado aposentado. Incentivado por sua mãe, desenvolveu cedo o hábito da leitura e se tornou um admirador das obras de John Steinbeck, prêmio Nobel de literatura em 1966, e autor do clássico As Vinhas da Ira.
Escolheu o Direito como área de atuação, tornando-se advogado especializado em defesa criminal e processos por danos físicos. Escrevia nas horas em que o seu trabalho lhe permitia, e logo publicou seu primeiro livro, Tempo de Matar, em 1989.
Seus livros giram sempre em torno de questões de advocacia, e geralmente criticam nuances do sistema judiciário americano e das grandes firmas de direito. Desde maio de 1998 a Universidade do Estado do Mississippi possui uma sala de leitura com o seu nome. Em 2006 figurou na Top 100 Celebrites da revista Forbes. Vive com sua esposa, Renée e suas duas crianças Ty e Shea. É o sexto escritor com mais livros vendidos na década de 2000, segundo a Nielsen BookScan.

Evangélico batista tradicional, visitou durante anos o Pantanal, compondo a junta de missionários enviados por sua igreja, nos Estados Unidos. No estado do Mato Grosso do Sul, eles ajudaram as igrejas locais e construíram uma quadra esportiva em Corumbá. Da aproximação com o Brasil nasceu O Testamento, que trata de uma disputa entre herdeiros de um bilionário americano, envolvendo ambientações no pantanal matogrossense e costurada por "drama espiritual" vivido pelo personagem chamado Nate. Grisham também situou boa parte do seu romance "O Sócio" em cidades brasileiras, notadamente Ponta Porã e Rio de Janeiro, citando várias outras e atribuindo na trama, destaque a uma personagem brasileira.

Ao redor do mundo, o autor já vendeu mais de 250 milhões de exemplares, com títulos traduzidos para mais de 29 línguas, sempre figurando nas listas dos mais vendidos, sendo eleito pela Publishers Weekly como o escritor dos anos 90.
Seu livro, O Dossiê pelicano obteve uma vendagem de 11.232.480 cópias somente nos Estados Unidos.
Após envolver-se durante anos com o gênero ficção, Grisham lançou em 2006 o primeiro livro baseado em fatos reais, The Innocent Man. Segundo o autor, o título traz uma crítica às falhas do sistema e da pena de morte.