"NA SOMBRA DA HISTÓRIA - SEMANA DE 22"

2015

"NA SOMBRA DA HISTÓRIA - SEMANA DE 22"

Média geral 5.0
baseado em 1 votos
Sua avaliação:
salvando
L - Livre para todos os públicos 30 minutos

Neste episódio, gravado no Centro Histórico de São Paulo, nas escadarias do Teatro Municipal, moradores e visitantes comentam textos sobre a Semana de Arte Moderna de 1922, movimento estético-cultural liderado por intelectuais do porte de Mário de Andrade, Heitor Villa Lobos e Oswald de Andrade, inspirado no questionamento da identidade brasileira e na vanguarda artística europeia.

O documentarista João Batista de Andrade marca sua volta à direção audiovisual com a série Na Sombra da História. No programa, o diretor propõe aleatoriamente a brasileiros nas ruas a leitura de passagens marcantes da História do Brasil, e, a partir dos textos lidos, convida os entrevistados a analisar tais acontecimentos com base em suas próprias bagagens culturais e no contexto sociopolítico-econômico atual. A série estreia no SescTV no dia 11 de maio, às 20h, com exibições semanais.

Segundo Andrade, a série propõe um retorno ao passado para, além de tentar entendê-lo, descobrir o significado da história brasileira para as pessoas que vivem o hoje. "Como se a gente trouxesse o passado para o presente para ver como as pessoas se relacionam com aquilo e como o passado interfere em suas vidas". Nesse novo trabalho, o diretor busca problematizar a visão popular e a historiografia oficial; para isso, abre mão de créditos e identificações dos entrevistados, a fim de equilibrar o peso dos depoimentos de especialistas e leigos.

No episódio de apresentação, o cineasta introduz elementos da realidade para captar o resultado dessa intervenção por meio de diálogos com historiadores e a interação com pessoas no centro de São Paulo, a partir da leitura de textos sobre história e trechos de filmes que revelam como fatos históricos são vistos pela sociedade hoje.

Entrevistado, o historiador Marco Aurélio Nogueira lamenta que nossa sociedade não seja rica em memória e diz acreditar que estamos vivendo um momento de empobrecimento da memória histórica dos povos. "É gravíssimo o fato de as pessoas não terem memória dos líderes e das lutas sociais, é como se elas não se vissem como parte da construção social", opina.

Na Sombra da História é baseada no cinema documentário de Andrade, classificado pela crítica como "Cinema de Intervenção", no qual o diretor introduz elementos na realidade para captar o resultado, sempre revelador, dessa intervenção. Seu estilo intervencionista foi apresentado ao público em 1967, com o filme Liberdade de Imprensa, censurado pelo regime militar em 1968. Entre seus outros trabalhos se destacam as ficções O Homem que Virou Suco, A Próxima Vítima, O país dos Tenentes e O Tronco, além dos documentários A Greve! eVlado, Trinta Anos Depois, sobre seu amigo Vladimir Herzog.

Nascido em 1939, João Batista de Andrade, além de escritor, roteirista e diretor, foi secretário estadual de Cultura de São Paulo, entre 2005 e 2006. Desde 2012, é presidente da Fundação Memorial da América Latina.

A série Na Sombra da História é composta por 13 capítulos de 26 minutos que discutem diversos temas da história brasileira, do Descobrimento do Brasil até os anos 1932. Os episódios A Escravidão, A Inconfidência Mineira, Dom João VI, A independência, A República, As Revoltas Populares, A Urbanização, A Semana de Arte Moderna, O Tenentismo, A Revolução de 30,

Estreia Brasil:
6 de Julho de 2015
Outras datas

Elenco de "NA SOMBRA DA HISTÓRIA - SEMANA DE 22"

Denunciar algo errado
Trailers

Comentar: