Média geral 3.8
baseado em 3 votos
Sua avaliação:
salvando

Quem assistiu à série A Família Walton, na hora de dormir deve se lembrar do “Boa Noite John Boy”; “Boa noite Mary Ellen”. Essa foi a frase que marcou esse outro grande sucesso dos seriados de TV. Uma bem sucedida série dramática dos anos 70 que chegava na época para contrastar com os sitcoms que mostravam famílias urbanas e seus problemas de uma grande metrópole. Ao contrário das suas concorrentes o seriado se passava nos Estados Unidos durante a longa depressão na década de 1930.

A história, baseada nas escritas semi-autobiográficas de Earl Hamner Jr., Spencer’s Mountain, já havia chegado a CBS em 1971 num filme especial para tevê intitulado The Homecoming: A Christmas Story. Depois do sucesso alcançado pelo longa-metragem, a Lorimar Television não pensou duas vezes em transformá-lo em um seriado e em setembro de 1972 estreava o seriado Os Waltons.
Os executivos da Lorimar Television trabalharam para enfatizar dois pontos na série: o local onde a história se passava (as montanhas Blue Ridge) e o período em que ela ocorria (a grande depressão), com isso, eles conseguiram transmitir ao público exatamente o clima que buscavam, uma nostalgia e sentimentalismo muito fortes, apoiados pela trilha sonora sempre exuberante de Jerry Goldsmith. Dessa forma, foi possível tratar de assuntos como crescimento dos filhos, namoro, casamento, escola, universidade, emprego, nascimento, envelhecimento, doença e morte, com mais seriedade e dramaticidade.

A cidade da Montanha dos Waltons foi construida em área dos Warner Brothers Studios, mas a montanha era nos estúdios de Burbank, na Califórnia. Foi disfarçada para parecer uma montanha da Virgínia. A casa dos Waltons ainda é usada como cenário pela Warner Brothers. Ele aparece em Gilmore Girls, por exemplo.

Durante um discurso de janeiro de 1992, o ex-presidente George H. W. Bush mencionou que ele desejava fazer da família americana mais próxima dos Waltons e mais distante dos Simpsons. Num comercial, Bart Simpson respondeu: “Nós somos como os Waltons. Nós também oramos para a Depressão americana terminar”.

Uma das coisas tristes da série, principalmente para os fãs, é que o elenco principal mudou muito ou esteve ausente durante a exibição de Os Waltons. John Boy, por exemplo, que era um personagem chave dentro da série, foi interpretado até 1977 pelo ator Richard Thomas, quando foi substituído por Robert Wightman; Elle Corby foi obrigada a sair da série em 1979 depois que sofreu um acidente; já o ator Will Geer faleceu em 1978, com isso seu personagem, o Vovô Zeb, também teve que morrer na série; John Ritter que interpretava o personagem do Reverendo Matthew Fordwick também deixou o programa mais cedo, sua ausência foi explicada com a ida do Reverendo para o exército.

A História.
O programa narrava, sob a ótica do filho mais velho (17 anos) John Boy, as aventuras e desventuras da família do título, formada pelo patriarca sábio e trabalhador Sr. John Walton, dono de uma serraria de uma comunidade tipicamente rural; e sua esposa, a calma e amorosa Livie Walton, uma devota da Igreja Batista, envolvida com atividades da Igreja.
O casal cuidava dos sete filhos: John Boy, o mais velho, que gostava de escrever sobre sua família, amigos e as circunstâncias em torno deles; Jason, um introvertido músico que passava os dias compondo canções para violão ou piano; Mary Ellen, inicialmente era uma rebelde, imatura e um pouco masculinizada, que melhora o comportamento ao se envolver afetivamente com “G.W.” Haines; Erin, a mais bonita da família, mas não gostava muito de estudar e vivia se apaixonando; Ben gostava de se meter em encrencas e fazer dinheiro fácil, tendo sempre que ser repreendido pelo seu pai; Jim-Bob, o James Robert, era o mais jovem dos meninos, era um fascinado por voo que a necessidade de usar óculos prejudicava seus sonhos; e a falante e sensível Elizabeth, que inicia a série como criança e termina adolescente. Ainda viria a morar com a família a prima distante Corabeth Walton Godsey, que se casa com Ike Godsey e ambos adotam uma filha, Aimee.

A família sobrevivia apenas com o dinheiro ganho na serraria localizada na Montanha Walton em Virginia, mantida por John Walton, Vovó Esther e Vovô Zeb. Mesmo com toda a pobreza e as dificuldades que a família encontrava ao longo dos episódios, eles lutavam com muita união e conservavam grandes sonhos. Muitos vão se realizando ao longo da série outros sendo frustrados. John Boy se muda para Nova Iorque, se alista no exército e se casa com uma amiga escritora, Janet; Jason entra para o Conservatório Musical de Kleinberg para aprender teoria musical e composição, e acaba indo trabalhar como músico do bar local chamado Dew Drop Inn; Mary se casa com com Curt Willard; Erin deixa a família para trabalhar para a senhora Fanny Tatum, como telefonista e mais tarde terminou seus estudos, casando-se em seguida com Paul Northridge; Ben conhece Cindy, com quem tem dois filhos, Virginia e Charlie; e Jin-Bob se torna um mecânico de motores e abre sua própria oficina.

Além dos personagens principais a série era recheada de outros bem carismáticos como Ike Godsey o proprietário do armazém local, o Xerife Bridges e as Senhoritas Mamie e Emily Baldwin, duas irmãs completamente excêntricas.

No Brasil.
No Brasil a série também teve uma excelente repercussão quando estreou na Faixa Nobre da Rede Globo em 1974 nas segundas-feiras. No ano seguinte ocupou o horário dos sábados à tarde da emissora, faixa que se tornou tradicional até o ano de 1982.

Em 1985 a TV Record exibiu somente as duas primeiras temporadas. Graças a narração de abertura também ficou conhecida no Brasil como A Família Walton.

Também foi apresentado na Rede Brasil de Televisão.
Emissora: CBS.
Emissora no Brasil: Rede Globo, TV Record e Rede Brasil.
Transmissão Original: de 14 de setembro de 1972 a 4 de junho de 1981.
Duração: 45-48 minutos.
Temporadas: 9 (221 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras: Lorimar Productions.

Estreia Mundial:
23 de Setembro de 1976
Outras datas

Elenco de Os Waltons (5ª Temporada)

Mais
Denunciar algo errado
Trailers
Fotos

Comentar: