Razões para a Guerra

2005

Why We Fight

Dirigido por:
Média geral 4.0
baseado em 154 votos
Sua avaliação:
salvando
98 minutos

mostra que em todas as décadas desde a II Guerra Mundial, os EUA produzem uma mentira para justificar um conflito. Mostra que as grandes companhias armamentistas são uma das principais financiadoras de campanhas dos políticos norte-americanos.

No mesmo estilo de Sob a Névoa da Guerra... Produzido em meio à segunda guerra do Iraque, trata-se de uma agressiva análise das forças que alimentam a máquina militar norte-americana por mais de meio século e suas consequências globais.

Vencedor do Grande Prêmio do Júri no Sundance Film Festival de 2005, Razões para a Guerra proporciona uma visão reveladora sobre como a América tem se preparado para a batalha e o que os obriga tão frequentemente a travar guerras ao redor do mundo.
Produzido em meio à segunda guerra do Iraque, Razões para a Guerra do cineasta de documentário Eugene Jarecki é uma agressiva análise das forças que alimentam a máquina militar norte-americana por mais de meio século e suas consequências globais. O filme começa com o discurso de despedida do presidente Dwight D. Eisenhower em 1961, no qual ele alertou os norte-americanos quanto ao crescimento do poder do "complexo industrial militar."
Expandindo a partir da advertência de Eisenhower, Jarecki conta ainda com entrevistas de soldados norte-americanos, oficiais do governo, informantes militares, empregados da área de Defesa, congressistas, acadêmicos, iraquianos e muitos outros que fornecem análises pessoais, políticas e econômicas sobre os últimos 50 anos da expansão militar dos Estados Unidos, guerras e intervenções. O que surge é um retrato esclarecedor e arrepiante de como os interesses políticos, corporativos e militares se tornaram progressivamente ligados através do negócio que é uma guerra.

Estreia Brasil:
2005
Outras datas

Elenco de Razões para a Guerra

Nenhum.
Denunciar algo errado
Trailers
  • Nenhum trailer cadastrado.
Fotos
  • Nenhuma foto cadastrada.

Comentar: