Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > aron_luz
27 years, Itajuba-MG (BRA)
Usuário desde Fevereiro de 2011
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Aron da Luz Rodrigues

    Imagine uma mistura de Taxi Driver, O Rei da Comédia, Laranja Mecânica e a subjetividade de Inception. O resultado é o brilhante Joker.
    O filme nem de longe se trata sobre o Coringa, mas sim sobre uma sociedado doente, corrupta, individualista e à beira do caos. E a melhor forma de trazer este tratado a vida, para o maior número de pessoas possível, é utilizando de um personagem extremamente popular.
    Joaquin Phoenix está SENSACIONAL! Ele conseguiu compor seu Coringa de uma forma extremamente diferente de Heath Ledger, e ainda assim tornando tão memorável quanto. As variações das risadas, tratadas aqui como um distúrbio psicológico, são assustadoras e intensas, e em pequenas cenas você percebe que a risada é genuína e não fruto do distúrbio.
    Todo o trabalho corporal de Joaquin, a mudança de peso, de postura, mostram o comprometimento para fazer desse personagem seu melhor trabalho.
    O filme tem uma trilha sonora poderosa e sombria, guiando muito bem o clima tenso que o filme carrega. A fotografia e o design de produção são espetaculares, primorosos e bem pontuados ao mostrar as mudanças de Arthur Fleck e a disparidade social em Gotham.
    Sobre a violência, que gerou tanta controvérsia, é extremamente necessária para a construção deste tratado, e na minha humilde opinião, ainda foi pouca. Mas ela não é glamourizada em nenhum momento, é seca, cruel e brutal.
    A cereja do bolo é a participação de Robert De Niro. Sem ele o filme não teria o mesmo brilho e as referências passariam despercebidas.
    Em suma, Joker é uma obra-prima moderna, aberta a inúmeras discussões e indiscutivelmente o melhor trabalho de Joaquin Phoenix, que só não vai levar o Oscar se a academia se render ao mimimi sobre a violência!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Aron da Luz Rodrigues

    A nova versão de O Rei Leão é um belíssimo espetáculo visual, mas só!
    Após ficar incrivelmente impressionado com o minucioso trabalho de efeitos visuais, o encantamento vai diminuindo e você percebe que não tem o mesmo brilho do original.
    O ultra realismo utilizado nos animais faz com que a emoção diminua drasticamente e é, ironicamente, triste de ver.
    A tão emblemática cena da morte de Mufasa se torna fria, apesar de ser tão bela e poderosa visualmente como no original.
    A nova música da Beyoncé, dita como tão memorável quanto Circle of Life não chega nem aos pés.
    A trilha sonora repaginada ficou de arrepiar, quando os primeiros acordes de Circle of Life surgem, toca direto na alma. Hans Zimmer e Elton John melhoraram muito o nível das músicas, com exceção de Be Prepared que se tornou uma prosa cantada e perdeu seu ar nazista que era emblemático na versão original.
    Apesar disso tudo, é possível se divertir com essa nova versão. Com uma ou outra alteração para se adaptar aos tempos de hoje, a mensagem de O Rei Leão permanece atemporal e poderosa!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Aron da Luz Rodrigues

    Vingadores: Guerra Infinita é o MELHOR filme da Marvel Studios.
    Crítica sem Spoilers, afinal #ThanosDemandsYourSilence!
    Os 10 anos da Marvel Studios foram essenciais para a criação dessa grande epopéia que traz o que há de melhor do estúdio.
    Os irmãos Russo já provaram ser a melhor escolha dentre os diretores da Marvel, visto os excelentes Soldado Invernal e Guerra Civil, e em Guerra infinita eles chegam ao ápice deste universo compartilhado.
    A narrativa do filme é muito similar à Senhor dos Anéis, com várias frentes de eventos acontecendo simultaneamente para narrar a saga de Thanos. Sim, Thanos, o grande vilão é o protagonista da história.
    Sendo um dos únicos vilões da Marvel a ser bem desenvolvido, Thanos é uma ameaça como nenhuma outra, suas motivações são bem esclarecidas e apesar de serem questionáveis, você se simpatiza com elas e com ele. Isso se deve ao trabalho super competente de Josh Brolin tanto como ator de voz como por captura de movimentos.
    Os efeitos do filme estão excelentes, o CGI muito bem empregado, com exceção da batalha de Wakanda que é um pouco confusa.
    Chris Markus e Stephen McFeely, os roteiristas, tiveram a árdua missão de reunir todos os diferentes universos da Marvel (místico, galáctico, africano e os vingadores) sem que os mesmos perdessem sua essência, e conseguiram. Ver a interação de diferentes heróis juntos foi sensacional, destaque para a equipe Homem de Ferro, Homem Aranha e Dr. Estranho.
    Tudo está bem amarrado, a trilha sonora está incrível, e uma coisa importante, diferente do horrível Thor Ragnarok, as piadas são bem empregadas e muito divertidas.
    Os irmãos Russo e, claro, Kevin Feige estão de parabéns por criar esse grande evento cinematográfico que cumpre muito bem seu papel, tem um final e uma estrutura muito diferentes dos filmes habituais da Marvel e por isso é excelente.
    Alguns momentos merecem destaque especial: a primeira aparição do Capitão América é de arrepiar, a luta épica em Titã, a última e satisfatória cena de Thanos e a incrível cena pós-créditos

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

  • Cl.
    Cl.

    Mas como assim VOCÊ não gostou? O filme é bom de mais oxe! 40 anos depois e ainda continua perfeito. Vou assistir de novo hoje. haha.

  • Cl.
    Cl.

    Bão! Adorei a Faye frígida-humanóide-coração de gelo. Mentira, não gostei. Fiquei com medo de ficar feito ela. haha.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.