filmow.com/usuario/mariliatasso/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > mariliatasso
(BRA)
Usuário desde Novembro de 2011
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

"Eu não vou conhecer todos os lugares que desejo, nem tudo e todos que quero. Não posso viajar no tempo. Não consigo acabar com a saudade, nem conseguirei. Eu vou morrer algum dia. O cinema é só um sonho." (Cinema Paradiso, 1988 de Giuseppe Tornatore)

http://pitadacultdecinema.blogspot.com/
https://www.facebook.com/blog.pitadadecinema

Últimas opiniões enviadas

  • Marília

    Maravilhoso! Assisti pela segunda vez e me surpreendi, pois quando foi lançado entrei na onda de expectativa e acabei o achando superestimado, dessa vez imergi na história e encontrei um baita filme que explora o desconhecido e a destruição que o fanatismo religioso provoca, metáforas e simbolismos são colocados em cena, e que atmosfera primorosa!! O medo que ele insere é diferente do medo que os filmes convencionais do gênero propõe.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Marília

    Particularmente senti-me muito emocionada em variadas partes, um filme singelo e que consegue captar a atenção, vamos nos aprofundando aos poucos nas vidas de cada um, na rotina e na tímida relação, Ratna encanta com sua vontade e sonhos, sua ânsia de liberdade mesmo tendo tantos entraves, retrata aspectos da cultura, infelizmente bem tristes como o sistema de castas, o casamento como negócio e o machismo envolvido em todos os setores determinando como uma mulher deve viver, como na viuvez.
    Não se engane, não é um romance clichê e previsível, mas sim uma trama delicada, inteligente e que coloca em evidência uma mulher audaciosa e que não se deixa abater.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Winston
    Winston

    "Escrever é tão mais simples do que filmar (não mais fácil, vejam bem!) Filmar é uma luta contra a natureza. Ao filmar, você está se esforçando para recriar a realidade e constrangê-la dentro dos limites do enquadramento, coisa que a realidade se obstina, o tempo inteiro, em não fazer. Já no papel, que diferença, no papel, praticamente tudo dá certo!"

    Roteiro de Estômago – Marcos Jorge.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.