Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Victor Hugo (II)

Victor Hugo (II)

Nomes Alternativos: Victor Hugo Azevedo Cardoso Nascimento

11Número de Fãs

Nascimento: 3 de Março de 1977 (41 years)

Rio de Janeiro - Brasil - Brasil

Victor Hugo é ator, diretor teatral, bacharel e licenciado em Filosofia pela PUC do Rio de Janeiro, e pós-graduando em Arte e Filosofia pela mesma universidade.

Empresário do ramo cultural, é diretor da Agarina Produções Artísticas LTDA
Vencedor do Prêmio Coca-Cola de Teatro na categoria Melhor Ator Revelação, aos 15 anos de idade, no ano de 1992.

Bacharel e licenciado em Filosofia pela PUC do Rio de Janeiro, e pós-graduando em Arte e Filosofia pela mesma universidade.

Empresário do ramo cultural, é diretor da Agarina Produções Artísticas. Vencedor do Prêmio Coca-Cola de Teatro na categoria Melhor Ator Revelação, aos 15 anos de idade, no ano de 1992, foi indicado ao Prêmio Shell de Teatro Rio, pela direção do espetáculo Capitães da Areia, e ao Prêmio Contigo de Televisão Brasileira, em 2009, na categoria de melhor ator coadjuvante.

Iniciou a carreira de ator em 1987, aos 10 anos de idade. Estreou na TV em 1989, na extinta TV Manchete, na minissérie ''Na Rede de Intrigas'', tendo também atuado na novela ''Ana Raio e Zé Trovão'', em 1990 na mesma emissora.

Em 1992 estreou no teatro em Capitães da Areia, encenado no Teatro Vannucci, Rio de Janeiro. Elogiado pelos principais críticos teatrais cariocas, o ator, então com 15 anos, recebeu o Prêmio Coca-Cola na categoria de melhor ator revelação. O sucesso nos palcos o levou à sua estreia na TV Globo, no mesmo ano de 1992, na novela ''Perigosas Peruas''.

Aos 16 anos fundou uma cooperativa de jovens atores, nomeada Companhia dos Bananas, por meio da qual produziu mais 10 espetáculos teatrais, peças que marcaram a estreia profissional das atrizes Taís Araújo, Carolina Dieckmann, Nívea Stellmann e Raquel Nunes.

Em 1995 fez sua estreia no cinema, protagonizando, ao lado de Antônio Fagundes, o longa-metragem ''Fica Comigo'', dirigido por Tizuka Yamasaki.

Em 1997 deu início ao desenvolvimento de sua pesquisa teatral, tendo ingressado na faculdade de Filosofia onde se especializou em Estética.

No ano de 2001, inaugurou um centro cultural no bairro do Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro, com ações voltadas para o resgate e a difusão da cultura popular brasileira.

Em 2005, com o patrocínio da Eletrobrás, adaptou, produziu e dirigiu o espetáculo Capitães da Areia, com trilha sonora assinada pelo celebrado percussionista Naná Vasconcelos. O espetáculo foi indicado ao Prêmio Shell de Teatro - Rio.

Em 2008 o ator interpretou o personagem Marreta, na novela ''Chamas da Vida'', da TV Record, atuação que lhe rendeu a indicação ao Prêmio Contigo de Televisão Brasileira, na categoria de melhor ator coadjuvante.

Em 2015, fez o engraçado vilão Corá na novela de grande sucesso ''Os Dez Mandamentos'', repetiu o mesmo papel no filme ''Os Dez Mandamentos - O Filme'' do ano seguinte e na novela ''Os Dez Mandamentos (Nova Temporada)''.

Em 2017, foi Jeremias (é um dos nove personagens chamados "Profetas" encontrados na Tanach que corresponde ao Antigo Testamento nas Bíblias Cristãs), na novela ''O Rico e Lázaro'', também da Rede Record.