A Estória de Clara Crocodilo

1981

A Estória de Clara Crocodilo

Média geral 3.9
baseado em 4 votos
Sua avaliação:
salvando
11 minutos

Transposição da música "Clara Crocodilo", de Arrigo Barnabé, para o cinema. Clara Crocodilo é o inimigo público número um, e ele está esperando sua execução em uma penitenciária estadual. Enquanto isso, a Rádio Interferência narra, eloquentemente, sua história. Ele consegue escapar e desaparece nos becos escuros da cidade.

"A penitenciária estadual, o presídio mais bem guardado e vigiado do país, guarda, numa cela especial, o inimigo público número um - Clara Crocodilo - que está com execução marcada para amanhã de manhã. A Rádio Interferência, uma rádio clandestina, narra eloqüentemente a história de Clara. Seu repórter entrevista o Chefe de Polícia, responsável pela penitenciária e pelo próprio Clara. Paralelamente, um estranho personagem, apenas um repolho, começa a insinuar-se. Aparece ao lado das construções como uma espécie de monumento surreal. Na mesa do Chefe de Polícia é armazenado como arsenal. Para auxiliar Clara, arma-se um despacho de Umbanda dedicado a Ogum Guerreiro, Clara consegue fugir e é ferozmente caçado enquanto os repolhos conseguem ocupar o lugar das cabeças (fazendo a vez de rosto e cérebro). Clima de terror/humor. Finalmente Clara consegue despistar seus perseguidores e some na cidade." (MSP/5)
"Numa linguagem próxima à das histórias em quadrinhos, é narrada a trajetória de um marginal na Grande São Paulo." (HBH/QCRCB)

Baseado na música Clara Crocodilo, de Mário Lucio Cortes e Arrigo Barnabé.

Estreia Mundial:
1981
Outras datas

Elenco de A Estória de Clara Crocodilo

Denunciar algo errado
Trailers
  • Nenhum trailer cadastrado.
Fotos
  • Nenhuma foto cadastrada.

Comentar:

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.