Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Listas
  3. > Meus 10 Filmes Favoritos Vistos em 2015 (e 3 menções honrosas)
Lista criada por Igor igorleoni
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em avaliações em comum

Meus 10 Filmes Favoritos Vistos em 2015 (e 3 menções honrosas)

10- Kingsman: Serviço Secreto (Kingsman: The Secret Service) - 2014 - Direção: Matthew Vaughn
De longe o melhor filme 'pipoca' de ação que vi no ano. Uma agência de espiões ultra secreta formada por 'gentlemans' abre um novo programa de recrutamento para adotarem novos membros. O filme cita e satiriza muito a franquia 007, em especial seus vilões megalomaníacos com seus planos absurdos de dominação mundial, e também alguns clássicos como "Os Embalos de Sábado à Noite". O diretor Matthew Vaughn promete no gênero de ação. Ele também dirigiu o melhor filme da fraqnuia X-Men até agora (Primeira Classe) e também o super elogiado Kick-Ass, que ainda pretendo ver. E Kingsman 2 vem aí (esperemos que a cargo dele também).

9- Pecados Antigos, Longas Sombras (La isla mínima) - 2014 - Direção: Alberto Rodríguez
Thriller espanhol ambientado nos anos 80. Em uma cidadezinha situada em uma ilha no sul da Espanha, dois detetives são acionados para investigar o assassinato e desaparecimento de diversas adolescentes locais. Filme muito bem escrito, com clima dark e pesado. O estilo remete muito ao seriado True Detective (a primeira temporada). Descobri recentemente que um dos protagonistas (que é a cara do Sean Penn) interpretou um dos comissários gays do filme "Amantes Passageiros". Aqui o personagem é o extremo oposto, nem parece o mesmo ator. Atores capazes desse tipo de transformação são os que mais gosto de assistir.

8- Boa Noite, Mamãe (Ich seh, ich seh) - 2014 - Direção: Severin Fiala, Veronika Franz
Filme de terror austríaco, sobre dois irmãos gêmeos idênticos que vivem isolados com a mãe. Certo dia, a mãe retorna de uma cirurgia facial e passa a adotar hábitos estranhos, e ambos desconfiam que a mulher que retornou é uma impostora se passando por mãe deles. O filme tem ares de M. Night Shyamalan (quando era bom) e Michael Haneke. O roteiro não tem nada de inovador (pelo contrário, até usa twists já conhecidos), mas a sensação de medo, paranóia e isolamento construídos pela direção são muito bons. Tem algumas cenas pesadas, não recomendo pra quem se impressiona com facilidade.

7- Inside Llewyn Davis: Balada de Um Homem Comum - 2013 - Direção: Ethan Coen, Joel Coen
Novo filme dos irmãos Coen, retrata uma semana da vida de um cantor folk que tenta se sustentar e emplacar como cantor em Nova York nos anos 60. Confesso que quando vi o trailer desse filme não me empolguei, parecia algo meio bobo e forçado pra ser 'cool'. Me enganei bastante. O filme é um belo retrato de época e o protagonista é um ótimo retrato do pseudo artista egocêntrico e orgulhoso que não admite o fato de não ser brilhante. Quem nunca, não é?

6- O Abutre (Nightcrawler) - 2014 - Direção: Dan Gilroy
Homem excêntrico e desempregado descobre um talento nato como cinegrafista amador de tragédias e passa a vender seu trabalho para um jornal sensacionalista. Bela crítica feita em cima da falta de ética da mídia jornalística sensacionalista, que finge se penalizar com a tragédia alheia apenas com o intuito de divulgação e exposição. Primeiro filme em que Jake Gyllenhaal me surpreende como ator. Até então achava as atuações dele mais do mesmo com alguns ajustes faciais aqui e ali. Dessa vez tive que tirar o chapéu e ajoelhar, ele provou que é ator. Destaque também para a sumida Rene Russo, no papel de uma jornalista inescrupulosa.

5- Amantes Eternos (Only Lovers Left Alive) - 2013 - Direção: Jim Jarmusch
Dois vampiros, um músico aposentado e sua antiga amante, voltam a se reunir depois de anos separados para sofrerem juntos o tédio da existência eterna. Desde o sueco "Deixe Ela Entrar" que uma história moderna de vampiros não me impressiona. Este aqui deixa de lado o terror e embarca no drama (e na comédia) existencial, trazendo ótimas metáforas e algumas citações, como ao clássico "Fome de Viver". Até a chatinha Mia Wasikowska, sempre em papéis blasé, aparece diferente e marcante como uma vampira louca e descontrolada.

4- Livre (Wild) - 2014 - Direção: Jean-Marc Vallée
Baseado na história real da garota que embarcou em uma caminhada de mais de 1000 kms, como um processo de auto conhecimento e recuperação de recentes tragédias. Não esperava muito desse filme e fiquei bastante surpreso. O roteiro foi adaptado para o cinema pelo elogiado autor Nick Hornby e traz Reese Witherspoon em uma atuação comovente, talvez o melhor momento de sua carreira até então. Destaque também para a sempre ótima Laura Dern, em excelente papel coadjuvante. Na minha opinião o filme deixa no chinelo o superestimado "Na Natureza Selvagem", lançado em 2007 e com um tema bastante semelhante.

3- A Professora de Piano (La pianiste) - 2001 - Direção: Michael Haneke
Pesado drama austríaco do polêmico e sempre ótimo Michael Haneke. Uma fria e rígida professora de piano que tem a rotina vigiada pela mãe, tem seus sentimentos tumultuados ao conhecer rapaz que se mostra atraído por ela. Forte e chocante, com direção, roteiro e elenco primorosos. Como já é de praxe, Haneke explora o lado sombrio da natureza humana que é constantemente oculto e reprimido em nosso dia a dia. Só para os que não se chocam com facilidade.

2- Beasts of no Nation - 2015 - Direção: Cary Joji Fukunaga
O filme acompanha a trajetória de garoto africano que tem sua família assassinada durante uma guerra civil e é forçado a se juntar a um grupo de guerrilheiros armados para sobreviver. Através do garoto, assistimos como uma criança tem sua infância e inocência destroçadas pelos horrores da guerra e da barbárie. O excelente Cary Fukunaga já mostrou a que veio ao assumir a direção da primeira temporada do seriado True Detective. Aqui continua a trabalhar com temas fortes de natureza humana, mas comove muito mais por se aproximar do real.

1- Love - 2015 - Direção: Gaspar Noé
Drama que acompanha a turbulenta relação de um rapaz americano com uma francesa em Paris. Filme cru e bastante sincero que retrata os altos e baixos de um relacionamento com ótima direção de Gaspar Noé. Na minha opinião, um pouco longo e arrastado em alguns momentos, mas ainda assim excelente. Primeira vez que vejo o efeito 3D utilizado de uma maneira um pouco mais artística, valorizando profundidade e estética ao invés de efeitos especiais. Infelizmente, por conter cenas de sexo explícito, o filme foi promovido como "pornografia em 3D" e muitas pessoas pré julgaram o filme (sem nem assistir) chamando-o de apelativo e sensacionalista. Moralismos à parte, não vejo uma maneira mais sincera de justificar relacionamento humano que não com cenas de sexo. Se conseguir deixar os preconceitos de lado, vale uma conferida.

Menções honrosas:

- Para Sempre Alice (Still Alice) - 2014 - Direção: Richard Glatzer, Wash Westmoreland
O horror da perda da identidade. Julianne Moore estupenda.

- Ben & Mickey Contra os Mortos (The Battery) - 2012 - Direção: Jeremy Gardner
Dois amigos caminham sem rumo pela Nova Inglaterra em uma era pós dominação zumbi (eu sei, ninguém aguenta mais zumbi e eu também não, mas esse vale a pena).

- The Guest (sem tradução por enquanto) - 2014 - Direção: Adam Wingard
Thriller de ação despretensioso que faz homenagens aos anos 80, desde o estilo até a trilha sonora.

Lista editada há 10 meses

13 0

0%
Você já viu 0 dos 13 filmes desta lista.
  1. Love (Love)

    Love

    3.5 739
    1
  2. Beasts of No Nation (Beasts of No Nation)

    Beasts of No Nation

    4.3 753
    2
  3. A Professora de Piano (La Pianiste)

    A Professora de Piano

    4.0 561
    3
  4. Livre (Wild)

    Livre

    3.8 1,1K Assista Agora
    4
  5. Amantes Eternos (Only Lovers Left Alive)

    Amantes Eternos

    3.8 741 Assista Agora
    5
  6. O Abutre (Nightcrawler)

    O Abutre

    4.0 2,4K Assista Agora
    6
  7. Inside Llewyn Davis - Balada de um Homem Comum (Inside Llewyn Davis)

    Inside Llewyn Davis - Balada de um Homem Comum

    3.8 515 Assista Agora
    7
  8. Boa Noite, Mamãe (Ich seh, Ich seh)

    Boa Noite, Mamãe

    3.4 1,3K
    8
  9. Pecados Antigos, Longas Sombras (La Isla Mínima)

    Pecados Antigos, Longas Sombras

    3.6 52 Assista Agora
    9
  10. Kingsman: Serviço Secreto (Kingsman: The Secret Service)

    Kingsman: Serviço Secreto

    4.0 2,2K Assista Agora
    10
  11. Para Sempre Alice (Still Alice)

    Para Sempre Alice

    4.1 2,4K Assista Agora
    11
  12. Ben & Mickey Contra os Mortos (The Battery)

    Ben & Mickey Contra os Mortos

    3.4 71
    12
  13. O Hóspede (The Guest)

    O Hóspede

    3.2 325
    13

Comentar: