Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Luciano Amaral
45Número de Fãs

Nascimento: 1 de Setembro de 1979 (38 years)

Pindamonhangaba - SP - Brasil

Era uma vez um menino chamado Luciano Amaral, que tinha uma irmã que o levava sempre com ela nos trabalhos de modelo que ela fazia.

Um dia, quando ele tinha 6 anos de idade, aconteceu de ser chamado para um teste de comercial do Vick Vaporub (aquele remédio para gripe).

E não é que logo no seu primeiro teste ele passou e foi escolhido entre várias crianças??

Bom, esse foi o meu começo de carreira. Depois dessa primeira propaganda não parei mais.

Pode-se dizer que já fiz comercial de tudo que você pode imaginar, desde remédios, como foi o caso do primeiro, até shopping center (isso vestido de elvis e tudo).

Fiz mtas propagandas messsmoo, mas minha carreira tomou um rumo um pouco diferente, ao surgir a oportunidade de fazer um teste na Tv Cultura para um programa chamado “Mundo da Lua”
O programa também passaria na TV Globo.

Eram mais de 300 crianças disputando uma só vaga, e felizmente fui o escolhido para interpretar o famoso “Lucas Silva e Silva”.

Depois do Mundo da Lua, que estreou em 1990, continuei contratado da Tv Cultura e logo em seguida fiz uma série de vinhetas preventivas contra acidentes domésticos chamada “Lucas e Juquinha”.

Na sequência, um dos programas infantis de maior sucesso da história da nossa televisão estreou na Tv Cultura. Meu personagem era o Pedro, e junto com o Nino, a Biba e o Zequinha fazíamos parte do Castelo Rá-Tim-Bum.

Já em 1995 sai da Tv Cultura e fui contratado pelo SBT, onde iria gravar minha primeira novela, “Razão de Viver”.

Um pouco depois disso, após ter feito Telecurso 2000, volto para a Tv Cultura para apresentar meu primeiro programa, “Turma da Cultura”. No mesmo ano, em 1997, estréia nos palcos de São Paulo a peça do Castelo Rá-Tim-Bum.

Depois de 3 anos apresentando o Turma da Cultura, saio da Tv Cultura e volto para o SBT. Por estar fazendo faculdade de rádio e Tv naquela época, passo a produzir o Teleton e simultaneamente apresento um programa chamado Acesso Total, uma parceria SBT/AACD com foco totalmente voltado aos portadores de deficiência física.

Só em 2003 minha história com videogame e televisão começa.

Nesse ano aconteceu a estréia do “G4 Brasil” na Band. Programa totalmente voltado ao mundo do entretenimento eletrônico, e de grande repercurssão, pois chegaria para suprir a carência que os amantes de jogos eletrônicos sentiam em relação a games na tv.

Em 2005, ao mesmo tempo que apresentava o G4 Brasil, estreiei mais uma peça, “Cabine do Destino”, cujo público alvo eram os jovens. Essa peça ganhou o Prêmio Coca-Cola de melhor produção.

Com o sucesso do programa, as coisas se expandiram e foi criado a Gametv, faixa de horário totalmente voltada ao público jovem na Mixtv.

A partir dai, eu assumiria o comando de dois programas. Gamezone, que viria a se tornar o Playzone na Playtv e o Combo - Fala + Joga que manteve o mesmo nome.

No comando desses dois programas fiquei até o início de 2008.

Após uma breve temporada nos EUA, voltei ao Brasil no final do ano para dois trabalhos.

O primeiro foi algo totalmente novo e desafiador, e o real motivo da minha volta, fazer a Co-Direção em “Onde está o Nino?”, espetáculo teatral do Castelo Rá-Tim-Bum, com produção da Time For Fun, no Teatro Abril.

O segundo trabalho se chamava “Hit Tvê”. Um programa totalmente voltado a música, com vários clipes, entevistas e interatividade.

Após o Hit Tvê fiz a direção da montagem de Mamma Mia da Casa de Artes Operária, espetáculo baseado no musical da Broadway.

O meu trabalho atual chama MOK, programa totalmente voltado ao universo tecnologico, videogames, etc. Caso queira saber mais sobre o programa, entre na sessão especial do programa.

UFA!!!! Acho que por enquanto é isso!!