filmow.com/usuario/omelhordocinema/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > omelhordocinema

Usuário desde Setembro de 2018
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • O Melhor do Cinema

    CASAL IMPROVÁVEL (Long Shot, 2019) é um filme que provavelmente não me interessaria se não fosse pela presença de Charlize Theron. Não que seja um trabalho a sua altura, mas assistir a ele não é das piores ideias. Sua primeira hora se desenrola de forma interessante, como uma forte sátira das principais questões políticas e sociais estampadas nas páginas dos jornais norte-americanos de hoje. O problema é que depois disso, Jonathan Levine o transforma em uma comédia romântica estereotipada contaminada pelo clichê e pela vulgaridade. A parceria entre o desengonçado e fracassado Fred, jornalista da esquerda, e a elegante e poderosa Charlotte, candidata à Casa Branca, exige mais do que boa vontade nossa. Mais do que improvável, mais do que uma Cinderela às avessas, é preciso ter muita fé no incrível, e apenas se salva em alguns poucos momentos fofos. Esse Casal Improvável não tem liga. É uma obra que se espera de Seth Rogen, não de Charlize. E, de fato, são as piadas acidamente apropriadas ao mundo atual que são dignas de uma chance.
    IG @omelhordocinema

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • O Melhor do Cinema

    ROCKETMAN (2019) conta a história dos primeiros anos do ícone da música Sir Elton John. O filme dá uma olhada em seu talento nato, sua vida familiar conturbada e sua jornada artística nos altos e baixos da fama e da fortuna. É uma parte pouco conhecida de um dos maiores astros do showbusiness, que teve seus anos mais impactantes nos anos 70 e 80. O nível de crueza mostrado em Rocketman impressiona por dois motivos: pela entrega deTaron Egerton e ainda mais pela permissão de Elton em muito mostrar de sua vida. Ele é o produtor executivo e o nível de informação compartilhada realmente nos coloca dentro de seus dramas pessoais mais profundos. Misturando biografia e musical, Dexter Fletcher acerta nas sequências dançantes, extremamente bem executadas e contagiantes, contudo, por vezes, a música tem precedência sobre a narrativa, e isso prejudica em parte o desenvolvimento do roteiro. No geral e no comparativo, Rocketman supera Bohemian Rhapsody, é mais honesto aos fãs e agradável aos demais; uma ode digna de uma lenda.
    IG @omelhordocinema

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • O Melhor do Cinema

    Diga-me... como avaliar mal um filme de Isabelle Huppert? Não que OBSESSÃO (Greta, 2018) seja uma obra-prima, mas vale ser visto por ela. Ela alucina, persegue, mata, dança, toca piano e até cospe chiclete como ninguém. Perdoemos o roteiro clichê e que tira uma com nossa inteligência e restará a boa parceria de Huppert e Moretz para ser apreciada na estranha e tensa amizade formada entre uma jovem garçonete e uma viúva solitária depois que uma bolsa é esquecida no metrô. Com toques hitchcockianos, Obsessão não deve ser levado a sério. É mais cômico do que assustador, é mais por Huppert do que por qualquer outra coisa.
    IG @omelhordocinema

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.