Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Marian Marsh

Marian Marsh

Nomes Alternativos: Marion Marsh | Violet Ethelred Krauth

3Número de Fãs

Nascimento: 17 de Outubro de 1913 (93 years)

Falecimento: 9 de Novembro de 2006

Trinidad, West Indies - Trindade e Tobago

Nascida Violet Ethelred Krauth em Trindade e Tobago, nas Índias Ocidentais, no dia 17de Outubro de 1913 e falecida em 09 de novembro de 2006, Marian Marsh foi uma atriz de filmes e mais tarde meioambientalista.
Filha mais nova de um operário e sua esposa francesa, com o advento da Primeira Guerra Mundial, mudou-se para Boston com a família. Naquela época, Marian tinha 10 anos e a família foi relocada para a Califórnia, onde sua irmã mais velha, uma atriz de nome Jean Fenwick, conseguiu um contrato com os estúdios FBO.
No final dos anos 20, com a ajuda da atriz Nance O'Neil, ela conseguiu entrar no mundo do cinema ao fazer um contrato com a Pathé where, onde fez filmes usando o nome de Marilyn Morgan. Logo em seguida, conseguiu um pequeno papel no famoso clássico "Hell's Angels", assinando depois com a Warner e adotando o nome de Marian Marsh.
Em 1931, trabalhou em "Svengali" ao lado de John Barrymore. Marsh foi escolhida pelo próprio John para ser a atriz principal de "Trilby".
Marian foi selecionada como uma das WAMPAS Baby Stars de 1931. A crítica a elogiou por seu desempenho em "Svengali" e daí ela fez vários filmes na Warner, entre eles, "Five Star Final" (1931), "The Mad Genius" (1931), "The Road to Singapore" (1931)e "Beauty and the Boss" (1932).
Em 1932, Marsh deixou a Warner e foi trabalhar na Europa até 1934. Ela gostou da Inglaterra e Alemanha. De volta aos EUA, participou de "A Girl of the Limberlost" (1934). Em 1935, Marsh assinou um contrato de dois anos com a Columbia. Durante este tempo, estrelou em filmes importantes, "Crime and Punishment" (1935), "The Black Room" (1935) e "Counterfeit" (1936). Quando o contrato acabou em 1936, Marsh novamente ficou livre por vários anos, participando de filmes B da RKO e Paramount. Seu último filme foi "House of Errors" (1942).
Nos anos 50, ela participou de um piloto de TV antes de se aposentar em 1959.
Marsh se casou em 1938 com Albert Scott e teve dois filhos. Depois da morte dele, Marsh se casou com Cliff Henderson e se mudou para Palm Desert, California.
Nos anos 60 Marian trabalhou como voluntária na promoção de programas de meio ambiente. Marian faleceu aos 93 anos.

Cônjuge: Cliff Henderson (de 1960 a 1984)
Irmãos: Jean Fenwick, Anthony Marsh