Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Mary Harron (I)
26Número de Fãs

Nascimento: 12 de Janeiro de 1953 (64 years)

Bracebridge, Ontario - Canadá

Mary Harron é uma escritora e diretora canadense. Filha do ator Don Harron e irmã do ator Bobby Harron.

Sua primeira incursão cinematográfica foi no mundo do cinema independente americano com seu filme biográfico "Um atiro para Andy Warhol" em 1996. O filme muito aclamado pela crítica, descreve a vida da feminista radical Valerie Solanas, autora do manifesto de S.C.U.M. e protagonista da tentativa de homicídio contra o artista pop Andy Warhol. O filme foi exibido com grande êxito no festival de Sundance no ano de 1996.

Mary Harron se educou na Universidade de Oxford e começou sua carreira como jornalista, sendo uma das fundadores do "Punk magazine", a primeira publicação dedicada somente ao punk rock. Harron começou sua carreira de diretora como realizadora de documentários para a BBC TV e Channel Four. Também realizou seis curta-metragens sobre cultura Pop, incluindo um titulado "How to Make an Oliver Stone Movie".

Seu projeto seguinte foi a adaptação para o cinema da polêmica novela de Bret Easton Ellis "Psicopata Americano", o projeto que já desde o princípio foi taxado de polêmico, levantou uma grande controvérsia devido ao conteúdo supostamente violento e em excesso da novela, que fez que o ator Leonardo Di Caprio, que inicialmente teria pensado interpretar o papel principal do assassino em série Patrick Bateman, recusou o papel por medo de ver danificada sua já muito deteriorada imagem pública.Isto forçou Harron a optar pelo ator britânico Christian Bale, que realizou um dos melhores papéis de sua carreira. Porém , os problemas do filme não teriam terminado, pouco antes de seu lançamento o filme foi qualificado como un NC-17 pelos censuradores americanos que se opuseram a uma cena de sexo que implicava em Bateman e duas prostitutas.

Cônjuge: John C. Walsh (desde 1998)
Pais: Don Harron, Gloria Fisher
Irmãs: Kelley Harron, Martha Harron