filmow.com/usuario/eliaspacheco1232/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > eliaspacheco1232
32 years, Lençóis Paulista (BRA)
Usuário desde Março de 2013
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Gosto de todo tipo de filme, principalmente terror. E dentro desse gênero, curto mais os de caipiras sinistros. Sou doente por qualquer coisa parecida com os Massacres da Serra Elétrica. Aceito dicas. Também me interesso por qualquer coisa setentista (ou até sessentista) com gore e apelo sexual.

Últimas opiniões enviadas

  • Elias

    Espetaculoso, com edição de videoclipe, cheio de barulho, mas sem um foco decente e cheio de erros... Não é bem o tipo de coisa que gosto de ver.
    Achei que os membros da banda ficaram muito estereotipados no filme, somente Freddie Mercury teve um tratamento com maior profundidade (claro, o filme todo gira em torno dele), mas também não convence cem por cento.
    Há muitos problemas cronológicos com relação às fases da banda, músicas lançadas e relacionamentos interpessoais...
    Também considero que Bohemian Rhapsody aborda certos temas de maneira moralista. É como se Freddie tivesse sido corrompido pela fama durante um curto período, afundado a banda e a doença viesse para puni-lo. É lógico que esse fio-condutor é um prato cheio para o cinema, mas as coisas na vida real não foram bem assim.
    Freddie se descobriu gay muito antes do mostrado no filme. Provavelmente quando A Night at the Opera explodiu ele já tinha problemas com a namorada por se relacionar também com outros homens. As drogas e o sexo eram combustível para sua criatividade e o artista passou mais de década numa vida bem louca, fez discos fora do Queen e manteve a banda em alta popularidade. Eles nunca acabaram ou encararam um ostracismo, como mostrado de maneira tão destacada no filme. Eles apenas chegaram perto disso, mas foi depois do Live Aid.
    Vejam só. The Game é de 1980, vendeu pra caramba e inaugurou a fase mais pop (com sintetizadores e tal) da banda. É quando Freddie começa a usar aquele bigodão. Lançaram o pior álbum da carreira em 82, o ridicularizado Hot Space, mas dois anos depois sai The Works, um grande sucesso, e em 86 vem A Kind of Magic, com a última turnê do Queen. Pois bem, o evento Live Aid é de 1985! Ou seja, não tem tempo da banda ter ficado separada, nem por meses. Eles sempre estiveram em alta produtividade e popularidade! Inclusive, gravaram ainda dois discos após o fim das turnês (quando Freddie ficou debilitado por conta da doença).
    Em Bohemian Rhapsody tentou-se contar uma história de remissão e o roteiro força situações para que tudo se encaixe nessa mesma narrativa distorcida. O foco se prejudica, pois há uma infinidade de situações bem interessantes na vida de alguém e você, obviamente, não pode analisar tudo da mesmíssima perspectiva. Os personagens no filme são menos interessantes que as pessoas reais, já que ficaram limitados ao ponto de vista simplista, massificado dos realizadores.
    Teria sido mais interessante se o que estivesse em foco fosse a fase da doença de Freddie, ou algo mais específico, um período mais limitado da carreira da banda (a relação de abusos e fama, por exemplo, é um tema batido porém menos "família" que esse do herói que faz bobagem e se redime). Olha, acredito que John Deacon protagonista seria mais promissor!
    O resultado é brega. Mas o Queen é uma banda bem brega, então tudo bem?!...

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Elias

    Os atores são bem ruinzinhos, mas o filme tem ótimas cenas de morte e uma condução interessante, bastante artística e estilizada.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Elias

    Interessante, porém longo e com muitos momentos enfadonhos. Acho que esse filme tem o clima certo e parece uma grande produção perto do que Jess Franco costumava dirigir. Só que sempre fico com a sensação de que ficou faltando algo nas obras do cara e não foi diferente com Santuário Mortal.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Caduu
    Caduu

    Olá, tudo bem?
    Onde você assistiu ao filme NUNCA CHAME O DEMÔNIO (NIGHT VISITOR, 1989)?

  • Velho Lyba
    Velho Lyba

    Cara mais de uma semana depois vi seu comentario, rsrs é isso aí, a Filmow, não está mais avisando não.

  • Velho Lyba
    Velho Lyba

    Elias o que o caracol falou quando subiu em cima da tartaruga? "Iuppie"

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.