Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Lavínia Vlasak

Lavínia Vlasak

Nomes Alternativos: Lavínia Gutmann Vlasak

87Número de Fãs

Nascimento: 14 de Junho de 1976 (41 years)

Rio de Janeiro, Rio de Janeiro - Brasil

Nascida no Rio de Janeiro, filha do diretor financeiro Robert Vlasak e da dona de casa Eugênia, em 1980, mudou-se para os Estados Unidos quando seu pai, funcionário de uma multinacional, foi transferido para lá. Morou fora do Brasil dos 4 aos 7 anos e por esse motivo foi alfabetizada em inglês. Somente aos 7 anos, na sua volta ao Brasil, que aprendeu o português. Quando retornou, estudou na Escola Britânica, no Rio de Janeiro. O currículo da escola dava destaque à formação artística, onde passou a se interessar pela profissão de atriz. Desde cedo, ouvia de suas professoras que seria uma excelente intérprete.

Iniciou sua vida profissional trabalhando como modelo. A carreira começou por pura imposição do pai, que impressionado com umas fotos da filha, então com 15 anos, exigiu que fizesse um book. Lavínia conta que ainda tentou argumentar em vão, dizendo que na verdade queria fazer jornalismo, pois não havia estudado tanto para ser somente uma modelo, mas não teve outra alternativa. Depois disso, nunca mais parou, e, foi com o dinheiro desse ofício que financiou seus cursos de atriz.

Trabalhou pela Agência Elite em países como Alemanha, EUA, Portugal e Espanha, entre outros.

Aos 16 anos, casou-se com seu primeiro namorado, o ator Jorge Pontual, e, ficaram juntos por cinco anos. Cursou interpretação na Casa de Artes de Laranjeiras e também fez a Oficina de Atores da Globo. Foi durante a oficina que recebeu o convite do diretor Luiz Fernando Carvalho para fazer um teste para a novela O Rei do Gado.

Em 1996, aos 19 anos, estreou na televisão despontando de bastante destaque. Sua personagem, Lia, era a filha rebelde do fazendeiro Bruno Berdinazzi, que apaixonada por Pirilampo e contra a vontade do pai, vai embora com ele pela estrada para viver seu amor dentro de um ônibus seguindo de cidade em cidade. Em seguida, esteve presente no remake da novela Anjo Mau, em que interpretou Lígia, noiva do cobiçado Rodrigo, que tem seu relacionamento arruinado por uma armação da babá Nice.

Em 1999, brilhou na telinha ao ser agraciada com a sua primeira vilã na novela Força de um Desejo. Na trama, viveu a pérfida Alice Ventura, filha do inescrupuloso Higino Ventura e da deslumbrada Bárbara Ventura, que sonha em se tornar uma nobre. Nutre uma paixão avassaladora por Inácio Sobral, porém esse só tem olhos para a ex cortesã Ester Delamare. Numa tentativa de prendê-lo, engravida de Abelardo e diz que o filho é de seu marido. Só o que não esperava era descobrir que Abelardo, na verdade, é seu irmão por parte de pai.

No ano seguinte, participou dos primeiros capítulos da novela Laços de Família, como Luiza, noiva de Edu, e, que após um escândalo teu seu relacionamento acabado. Posteriormente, voltou a interpretar uma personagem de caráter fraco e duvidoso nas novelas. Em As Filhas da Mãe, deu vida à interesseira Valentine, capaz de tudo para conquistar o cinqüentão boa pinta e cheio da grana Arthur. Durante a novela, um personagem acaba assassinado e Valentine é a autora. Porém, o crime foi cometido por engano. Na tentativa de matar o amante, Adriano, de quem era vítima de constantes chantagens, acabou atirando em Fausto.

Em 2002 sua primeira atuação no cinema deu-se numa produção estrangeira que foi rodada no Brasil, o filme Dead in the Water (br: O Mar Por Testemunha), que narra a história de quatro jovens que vão passar um final de semana em Angra dos Reis e um deles acaba desaparecendo misteriosamente.

Em 2003, na novela Mulheres Apaixonadas, interpretou uma moça rica, bonita e de bem com a vida. Através da bebida, tenta refugiar-se de suas frustações, no entanto, dominada pelo álcool trás a tona sua verdadeira face, uma mulher triste, amargurada por ter ficado viúva tão cedo e inconformada por um aborto sofrido quando ainda era casada. No decorrer da trama, descobre-se apaixonada por um padre. Pedro passa toda a novela fugindo desse amor impossível devido ao seus votos de castidade, e, somente no final entrega-se a essa paixão avassaladora.

A convite do autor Gilberto Braga, voltou ao ar antes do previsto e topou participar da novela Celebridade, novela que sucedeu Mulheres Apaixonadas no horário nobre global. Na trama, sua personagem Tânia chegou para formar casal com o protagonista da história, o cineasta Fernando Amorim, de quem era muito fã.

Ao completar 10 anos de carreira, trocou a Globo pela Rede Record e ganhou sua primeira mocinha em novelas. Dona de uma trajetória sólida na antiga casa, onde teve a oportunidade de viver papéis tão distintos, completou uma década de carreira em plena transformação.

Em 2005, na novela Prova de Amor, interpretou Clarice, uma estudante de Biologia que tem uma vida quase perfeita ao lado de Daniel. No dia de seu casamento, seu ex-noivo Lopo arma uma cilada e Daniel acaba sendo preso, acusado por um crime que não cometeu. No ano seguinte, fez sua última atuação em novelas, e, interpretou a estilista Erínia Oliveira, antagonista principal de Vidas Opostas. No folhetim, sua personagem é noiva de Miguel e não se conforma em perdê-lo para Joana, uma moradora da favela. Disposta a tudo para ter seu amor de volta, une-se ao traficante Jackson a fim de separar o jovem casal.

Depois da maternidade, limitou-se somente a participações especiais em seriados. Após cinco anos, em 2010, retornou à Globo em episódios das séries A Vida Alheia e As Cariocas. Em 2011 fez participação especial em Insensato Coração.

Por diversas ocasiões foi convidada a posar nua, ainda mais depois que colocou 215ml de silicone nos seios, mas recusou todas as propostas. O máximo que topou, foi um ensaio sensual para a revista Trip, em 2003.

Filhos: Estella Neto Vlasak, Felipe Neto Vlasak
Cônjuge: Celso Colombo Neto (desde 2007), Jorge Pontual (de 1992 a 1997)
Pais: Eugenia Vlasak, Robert Vlasak