filmow.com/usuario/paulo_fool/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > paulo_fool
38 years, SÃO JOSÉ DO RIO PRETO - SÃO PAULO (BRA)
Usuário desde Setembro de 2011
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

" I love the smell of napalm in the morning..."

http://flavors.me/mortimer_79

Últimas opiniões enviadas

  • Paulo Cesar

    Bom filme de apocalipse zumbi que tem um ritmo alucinante, vertiginoso, típico do cinema asiático, aqui mais exatamente coreano..as situações se acumulam e o nível de tensão só aumenta..Fazendo vc nem piscar tamanha adrenalina despejada na tela. Soa ás vezes meio caricatural as atuações devido ao exagero de expressão dos atores, o que não chega a ser problema se vc é iniciado em filmes asiáticos. O elenco segura bem e transmite a carga de dramaticidade e tensão necessária nesse filme que não deve em nada as produções ocidentais do gênero.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Paulo Cesar

    Uma boa mistura de sátira e homenagem aos filmes estilo "slasher" dos anos 80..assumindo os clichês e tirando sarro disso de uma forma bem feita e criativa. Divertido, rápido e bem amarrado. Taissa Formiga super linda e segurando bem o drama nas partes necessárias. Todos os estereótipos estão lá, mas é engraçado e inventivo o modo que se desenrola a trama. Gostei !!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Paulo Cesar

    Impossível falar de "Black Panther" sem bater na tecla ( e com todo direito) da representatividade, a importância desse filme pra uma parte da população que poucas vezes se viu protagonista..representado de forma heroica.
    Enfim, o filme levanta essas discussões mas tratado apenas como mais uma parte do já extenso MCU, o filme se encaixa e se sobressai na técnica apurada de Ryan Coogler,na história rápida e didática que começa ambientada em um momento único da história americana ( manifestações raciais de 92), só essa sacada define toda a linha do filme, da busca pela realidade tátil..mesmo ele sendo primeiramente uma fantasia de super heróis da Marvel. Que tem todo seu modo de ser, vencedor.. mas que aqui Ryan deixa mais polarizado as piadas são pontuais rápidas..muitas vem da relação Shuri e T'challa nessa coisa de irmão. O filme tem essa coisa meio "rei leão", perda do pai..a ascensão meio a fórceps de um novo rei..meio que sem saber o caminho a seguir diante dos desafios enfrentados por essa Wakanda..tão rica e tecnológica..mas fechada pro mundo por tanto tempo. A outra face da moeda que tbm ambiciona o trono Erik Killmonger, tem planos diferentes pra essa nação em disputa. Um jovem com sede vingança que não hesita pra atingir seus objetivos, com fúria e selvageria não mede esforços nos fins que ele acredita justificar os meios. Vilão..fanático..terrorista..ele pode ser todas essas coisas..mas a origem do jovem meio que se não justifica suas ações..é uma força motora considerável..ele tem a motivação a razão de ser assim. E Michael B. Jordan consegue transmitir isso em cada cena em cada fala cheia de raiva, em cada ato de Killmonger..simpatizar não diria mas vc quase entende suas motivações. O filme caminha verdadeiro, bonito..vc olha Wakanda e a vê bonita colorida, orgânica e tecnológica..uma coisa que podia ter sido..acontecido se tivessem chance, se tivessem o poder sobre eles mesmos. Você olha aquele visual e sorri se imaginando..lá..O elenco também impressiona pelo empenho pela veracidade pela transmissão de sentimento, colocada em cada expressão. Acho que a partir do momento que esse filme podeira alcançar tantas pessoas, tantas vidas eles queriam que suas atuações refletissem sobre essas vidas. A importância desse filme talvez dentro da história do cinema tão rica seja ínfima, mas com quem ele se propõe a falar e a quem esteja disposto a ouvir ele venha a ser muito importante e represente muito. A politica inserida nele se mostra atual..os conflitos mostrados..os medos e as intolerâncias tratadas em menor ou maior grau, são agudas e falam com essa geração. Pantera Negra foi criado la atrás anos 60/70..época de tensão racial, partido dos panteras negras, e mesmo hoje se mostra necessário e pontual. Pregando diversidade, respeito pelo diferente e união como se fossemos todos parte de uma bela e numerosa tribo.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

  • Alice Ayres
    Alice Ayres

    Charlie Chaplin foi um dos responsáveis por eu entender desde pequena o que era a sétima arte... O Garoto, Luzes da Cidade, Luzes da Ribalta, O Circo, Tempos Modernos, O grande Ditador... são filmes fantásticos!!!

    Adoro Closer também... Um abraço!

  • Danielle G.
    Danielle G.

    Oi, Paulo. Recebi seu recado. Meu Whatsapp ta normal no Wifi.