O Aleijadinho - Paixão, Glória e Suplício

2000

O Aleijadinho - Paixão, Glória e Suplício

Média geral 2.9
baseado em 91 votos
Sua avaliação:
salvando
100 minutos

A história do escultor mineiro Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, acompanhando sua vida e sua formação artística e cultural. O filme mostra o relacionamento com a escrava Helena, os conflitos políticos com o pai, um arquiteto português, a sua amizade com o inconfidente Cláudio Manoel da Costa e a doença que o deixou deformado, mas não conseguiu impedi-lo de trabalhar.

O enredo é ambientado no ano de 1858, quando o professor e historiador Rodrigo Bretas (Antonio Naddeo) descobre a existência da parteira Joana Lopes (Ruth de Souza), uma nora de Aleijadinho (Maurício Gonçalves), que havia morrido 44 anos antes. Através dos relatos dessa mulher, o pesquisador reconstitui a trajetória do artista, filho de uma escrava e do arquiteto português Manoel Francisco Lisboa (Edwin Luisi), e que se tornou o mais importante escultor do período barroco mineiro.

Em flashback, o filme narra os principais acontecimentos na vida de Lisboa, destacando inclusive aspectos mais pessoais, como sua intensa paixão por Helena (Maria Ceiça), uma ex-escrava, e o grande sofrimento imposto pela misteriosa doença que o acometeu a partir dos 47 anos e acarretou sua progressiva deformidade e incapacidade física. A doença provocou, além do mais, o abandono dele por parte de Helena, que tivera um filho com ele mas depois se apaixonara e fugira com o ajudante de ordens do governador-geral, D. Luiz da Cunha Menezes.

Estreia Mundial:
2000
Outras datas

Elenco de O Aleijadinho - Paixão, Glória e Suplício

Mais
Denunciar algo errado
Em DVD
Trailers
  • Nenhum trailer cadastrado.
Fotos
  • Nenhuma foto cadastrada.

Comentar: