Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > alex72jp
47 years João Pessoa -
Usuário desde Janeiro de 2020
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Alexandre Fernandes Alexandria

    "Blade Runner" é baseado no livro "Androides Sonham Com Ovelhas Elétricas?" ("Do Androids Dream Of Electric Sheep?", do escritor Philip K. Dick, lançado em 1968.
    O filme, de forma subliminar, nos apresenta muitos símbolos.
    Tem muito ocultismo, que dá para ser percebido em "Blade Runner"
    Eu fiquei incomodado com a quantidade de informação que o film passa.
    Em vários filmes tem os símbolos, como "O Show De Truman", "Muito Além Do Jardim" e tantos outros.
    Para quem já assistiu o filme e quer se aprofundar, segue abaixo, um estudo, de forma mais clara, sobre os símbolos e ocultismo em "Blade Runner" (p.s. sou Cristão e não tenho parte com os símbolos e nem com o ocultismo; mas sei que eles existem e quem os estuda, sabe falar com mais propriedade do que eu, que não sou formado nesta área)
    Por Cláudio Tsuyoshi Suenaga
    claudiosuenaga. com. br / bladerunner /
    p.s. separei os espaços, no endereço acima ( é preciso juntá-los, para acessá-lo)

    Em 1982, "Blade Runner" deve ter sido um marco;
    hoje, em 2020, a gente percebe que tem muitos altos e baixos.
    Muita informação. Algumas se aproximam do alvo.
    Outras, assim como o filme, continua "nublado"

    Tem livro e filme da mesma época, que tem os símbolos e ocultismo, que na minha percepção, acertou o alvo. Não ficaram datados. Não envelheceram mal.
    Vou citar apenas um.
    "Being There" de Jerzy Kosinski, de 1970. Lançado no Brasil como "O Vidiota"
    Em 1979, virou o filme "Muito Além do Jardim", dirigido por Hal Ashby, com o ator Peter Sellers, no papel principal.
    "Muito Além Do Jardim" acerta o alvo, em 1979.
    Prevê o mundo que estamos hoje, 40 anos depois.
    O filme é sóbrio. Assertivo.
    Atual. Não envelheceu mal
    ;
    "Blade Runner", se comparado ao livro / filme, "Muito Além Do Jardim", é bastante irregular

    p.s. falei de outro livro / filme, pois temos que ter parâmetros para analisar obras que foram lançadas quase ao mesmo tempo e, com o passar dos anos, podem estar mais próximas da nossa realidade ou ainda, bem distante dela. Quem teve mais acertos; quem teve mais erros.
    :)

    .

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Alexandre Fernandes Alexandria

    O filme é baseado na história real do diretor e co-roteirista Sean Anders de adotar três filhos, fora do sistema de assistência social, com sua esposa, Beth.
    Fatos reais.
    Mark Wahlberg já trabalha com o diretor Sean nos filmes "Pai Em Dose Dupla I e 2"
    Rose Byrne é uma comediante bastante conhecida na sétima arte.
    Creio que a intenção foi passar uma situação social, muitas vezes, pesada, tensa e triste, de uma maneira, ao máximo possível, mais suave.
    Se quisessem ter mostrado as situações mais graves, teriam mostrado.
    O filme não tem a intenção de afastar o público para longe do tema da adoção.
    Ao contrário, de forma inteligente e, muitas vezes, didático, ele nos envolve na causa.

    Nas reuniões, para a adoção, nos encontramos

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Um casal Cristão, um casal homossexual, uma mãe solteira, entre outros.
    Mostra a diversidade de pessoas interessadas em adoção

    Os problemas que envolvem as crianças que estão para serem adotadas:

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    São filhos de pais que usam drogas, muitos não conhecem o pai que abandonou a mãe, outros menores já tiveram problemas com abusos de drogas e podem cair na recaída, entre outras situações que, podem ser, mais graves ou menos, dependendo de cada caso

    Ainda não havia assistido um filme sobre o tema, da maneira que o filme nos apresenta.
    Baseado em uma história real.
    Gostei demais.
    Um dos filmes que eu mais tive o prazer de assistir, da década passada (2010 - 2019)
    Está de parabéns o diretor Sean Anders, por compartilhar conosco, sua linda história que, de alguma forma, é uma história que envolve inúmeras famílias
    Um filme família.
    Favorito
    Nota 8.

    .

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Alexandre Fernandes Alexandria

    O local onde Travis e Gabby moram, é bem lindo
    Grama. Cachorros. Um rio na frente das casas, Uma vista maravilhosa.
    Um ponto alto. Tem paisagens belíssimas. Daria para tirar lindas fotografias.
    Dá vontade de morar lá. Transmite paz, o local. Não precisa nem da lancha rsrsrs

    Travis já tinha uma namorada e já estava olhando para Gabby.
    Gabby tinha um noivo (?) e começa a ser paquerada por Travis.
    Não gosto de quando personagens dizem que "Tudo foi tão rápido".
    Tinha que ter falado antes com os respectivos parceiros.
    Dizer que estava conhecendo uma outra pessoa.
    Ser mais transparente; achei a atitude dela, meio "embasada"

    Não li o livro
    Gostaria de saber, ao certo, se "A Escolha" foi

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    a decisão de Travis, de não desligar as máquinas, após o acidente?
    Primeiramente, vemos "um final", onde Gabby, morre;
    posteriormente, me parece, um final, REAL, onde ela aparece viva.
    Na minha percepção, "A Escolha" dele, foi a de não desligar as máquinas.
    É uma mensagem poderosa (caso eu esteja, realmente, certo).
    Mensagem espetacular à favor da vida.
    Um filme (livro) contra a nova ordem mundial.

    outro filme que aborda o mesmo tema e é bem realizado, é:
    "E Se Fosse Verdade" ("Just Like Heaven", 2005)

    Se "A Escolha" foi a que eu compreendi, eu teria feito a mesma escolha
    E, assim, o resultado, é um bom filme;
    mesmo com tantos altos e baixos :)

    .

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Nenhum recado para Alexandre Fernandes Alexandria.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.