filmow.com/usuario/ghdshrth/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > ghdshrth
30 years (BRA)
Usuário desde Janeiro de 2011
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

É chegado um momento em que é preciso dizer: o pior crítico é o de cinema. De cinema - SEM EXCEÇÃO

Últimas opiniões enviadas

  • Γ

    É uma pena que esse filme seja usado como discurso empreendedorístico. A mensagem dele vai muito além disso.

    Ele é uma adaptação de um romance americano inspirado no Mahabarata, que é a epopeia que funda o povo da India, que no filme é Savannah. Runnulph Junnah é o heroi que salva o povo da cidade, igualzinho Arjuna, que é o heroi que batalha entre os Pandavas e os Kauravas em nome dos indianos. E o Beggar Vance? Ele é Krishna, o avatar de Deus, o verbo divino, o canto sagrado - o Baghava Gita - e ensina o segredo do Dharma, que é o caminho que o homem deve trilhar para a unidade espiritual. Junnah perdeu o swing do taco, assim como Arjuna desviou-se do caminho do Dharma por um momento, no campo de batalha.

    E isso é muito bonito no filme porque, pra retomar o caminho do Dharma, pra voltar a ter o swing da tacada, Will Smith faz o discurso que é o mesmo de Krishna. Diz ele, mais ou menos assim: observa a vida na sua manifestação; tudo tem um ciclo, o sol tomba no poente, e os ventos levam as gramas para a direção do sol - assim foi, assim é e assim será, como eu sou o princípios, o fim, e o meio - porque eu sou o Eu Real. Então confia, faz o que você deve fazer, aceita a natureza do seu ser, e não deixe que o Ego te desvie da direção do buraco (a banderinha sinalizando o 1 no buraco, que é o caminho da unidade - outro momento em que a banderinha sinaliza o número 18 - a unidade que é infinita, eterna)

    Por isso, repito - se esse filme for visto de uma perspectiva empreendedora, mais da metade do tesão do filme irá por água abaixo..

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Γ

    O caapi - espírito do sonho, se não me engano - a que o índio karamakate se refere é o mesmo nome da Ayahuasca (Banisteriopsis Caapi). A yakruna é a chacrona com que se faz o chá. Da mistura de ambos vem o chá sagrado. O filme, assim, é mais uma das histórias da planta e da relação que os povos indígenas tinham com ela.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Alice Ayres
    Alice Ayres

    Dele mesmo! Pra mim o filme foi bem ruim... mas o problema deve ser comigo: 4.4 na média aqui do filmow!!!

    Ou o pessoal está maluco, ou eu sou burra demais p ele! rs ;)

  • Alice Ayres
    Alice Ayres

    Que fique bem claro, não curto só filmes cults, não.. :)

  • Alice Ayres
    Alice Ayres

    Menino, passei por isso ONTEM!!! Comecei a assistir a um filme com meu marido e ele saiu do quarto com 20 minutos de filme... não aguentou!!! Eu me arrependo de não ter feito o mesmo! rs

    O nome é Nostalgia! Média 4.4 aqui no filmow... vc lê os comentários e se acha profundamente burra por não conseguir enxergar o que os outros enxergaram...
    Serinho, minha única conclusão foi que aquele filme não poderia ser chamado de Nostalgia, mas sim de LETARGIA!!! rs

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.