Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > tdk
21 years Marília - (BRA)
Usuário desde Fevereiro de 2014
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

we chase misprinted lies
we face the path of time

Últimas opiniões enviadas

  • Fabio Cerqueira

    Foi difícil dar uma nota pra Hacksaw Ridge, é um filme impactante, possui alguns aspectos técnicos que são sensacionais, o realismo das batalhas e a história do protagonista são incríveis, isso é inegável. Mas o filme é extremamente controverso e tendencioso, e a visão tolerante que recebemos do personagem principal é totalmente contrariada pela forma como o filme é dirigido.

    As qualidades de Desmond são exaltadas o filme inteiro, até mostradas com uma certa ingenuidade e pureza. Ele não pratica a violência e vê o inimigo de uma forma humanizada, suas ações demonstram que sua intenção é de salvar vidas, não importa de qual lado da batalha. Por outro lado a direção do filme desumaniza o inimigo e exclui a sua personalidade e representatividade real. É um espetáculo de sangue, e o filme se orgulha disso, ele exalta a bravura americana e glorifica uma carnificina colocando-os como anjos e os japoneses como demônios. O personagem principal traz uma proposta piedosa e pacífica em meio a guerra, mas o longa se contradiz trazendo aquele velho fetiche de cenas extremamente exageradas e melodramáticas com aquele heroísmo americano/cristão que impõe o papel de monstro aos inimigos dos EUA.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Fabio Cerqueira

    Queria ter gostado mais do filme, a ideia é boa, mas a adolescência é representada de uma forma totalmente superficial e estereotipada. Os personagens são estereótipos rasos que tem que explicar o tempo todo o porque são assim e quais são seus problemas. E as vezes eles mesmo fogem de suas personalidades pra fazer uma cena "divertida".

    E o final é simplesmente decepcionante:

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Porque Allison aceitaria fazer maquiagem e trocar de roupa daquela forma? É quase discriminar a identidade dela e dizer que existe um padrão de beleza, então ela só se vestia daquela forma não porque ela era diferente, e sim porque ela não conseguia se encaixar? Mais uma visão superficial da juventude.
    E algo ridículo, foi depois de ela ficar "bonita" o esportista ficar com ela. Ou seja, foda-se quem você é, tenha boa aparência que no final você vai ficar com o atleta...
    E porque a Claire ficaria com um cara babaca que humilhou, desvalorizou, assediou e a tratou mal durante o filme inteiro? Porque ele é "descolado"?
    Fora outras falhas, o filme quer mostrar que eles são mais que os estereótipos que o diretor (e a sociedade) vêem, mas nesse filme, eles simplesmente são.

    Achei totalmente surreal e vazio pra funcionar como drama, e como comédia é um clichê adolescente.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Fabio Cerqueira

    É bem legal também, observar o choque "cultural" entre as pessoas que ficaram na cidade numa vida quase "normal", e os sobreviventes.

    É bem parecido com as divisões da sociedade atual, enquanto muitos sofrem pra ter o que comer, sobrevivendo em uma guerra em seu país, ou até em sua própria rua.
    Outros tem uma vida bem mais "fácil" e segura. E quando existe esse choque, os grupos não conseguem se entender, afinal cada grupo tem uma visão extremamente diferente da vida e do que é certo e errado. E o grupo dos "sobreviventes" acaba criando essa raiva pelo modo de vida do outro.
    É algo simplesmente absurdo para os sobreviventes observar o outro grupo com seus afazeres sem importância, suas convenções sociais sem objetivo, e sua forma de viver quase superficial, enquanto do lado de fora do muro deles o mundo está acabado e está cercado por morte, violência e fome, coisas que eles preferem não ver, fechados na sua gaiola se contentando com as suas verdades cegas.
    Os sobreviventes sempre desejaram por isso, o mundo deles sempre foi o real, eles foram forçados a encarar essa realidade crua. Acho que esse é o ponto crucial do discurso do Rick. Se enganar, se escondendo atrás da nossa falsa realidade, como se estivéssemos em um mundo perfeito, não vai muda-lo. É quase como ele dizendo para nós abrirmos nossos olhos e encararmos a verdade triste e cruel do mundo em que vivemos.

    A série pode ser bem profunda e complexa se você quiser enxergar algo mais, se não, aproveite o sangue e os zumbis, e reclame quando tiver um episódio sem muita ação.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Thainá
    Thainá

    que culpa eu tenho se são ótimos filmes? hahaha

  • Larissa
    Larissa

    Trainspotting, pq é um filme que mostra a realidade totalmente nua e crua, com protagonista humanos e cheios de defeitos.
    Quando eu vejo um filme, não consigo separar da minha opinião politica, sabe? Influencia totalmente meu gosto.

  • Larissa
    Larissa

    ENTÃO, mas os ets saberem que ela não se contaminaria é totalmente aceitável, mas e quanto aos americanos? Eles provavelmente não sabiam e não se interessaram em saber, me pareceu que faltou tempo ou que aquela preocupação no começo do filme foi só pra chocar o espectador. Eu gostei do filme, mas o nacionalismo americano exagerado me deu câncer algumas vezes (russo e chinês vilão, americanos compreensíveis, isso definitivamente não existe).
    - Qual seu filme favorito de todos?

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.