Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Alberto Ruschel
1Número de Fãs

Nascimento: 21 de Fevereiro de 1918 (77 years)

Falecimento: 18 de Janeiro de 1996

Rio de Janeiro - Brasil

Alberto Manuel Miranda Ruschel, mais conhecido como Alberto Ruschel (Estrela, 21 de fevereiro de 1918 — Rio de Janeiro, 18 de janeiro de 1996), foi diretor, produtor e roteirista de cinema, e ator de cinema e televisão brasileiro.

Já no Rio de Janeiro, tornou-se cantor do conjunto Quitandinha Serenaders. Foi através do amigo Grande Otelo que chegou ao cinema, estreando em 1947 no filme Este mundo é um pandeiro. Logo se tornou um galã da Atlântida, fazendo vários filmes com o diretor Watson Macedo.

Veio para São Paulo e participou do início da Companhia Vera Cruz, atuando como microfonista e técnico de som até estrear em 1951 em Ângela, de Tom Payne e Abílio Pereira de Almeida.

Em 1953 chega a sua grande oportunidade e como o Teodoro de O Cangaceiro, até hoje um dos maiores sucessos do cinema brasileiro, ele se transformou em um astro do cinema, inclusive internacional. Passou a escolher filmes de ação e rodou na Argentina, nos Estados Unidos e na Espanha.

Atuou em mais de trinta filmes e chegou a dirigir um, Pontal da Solidão, em 1973. Foi um ator de cinema basicamente e sua única experiência na TV aconteceu em 1979, já no fim da carreira, quando participou de O Todo-Poderoso na TV Bandeirantes.

Quando morreu, em 1996, Alberto Ruschel, aos 77 anos, vivia no Retiro dos Artistas, no Rio de Janeiro. Ele se recuperava de uma cirurgia no coração quando teve uma hemorragia fatal do duodeno.