Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Elizabeth Hartmann (I)
4Número de Fãs

Nascimento: 23 de Dezembro de 1941 (76 years)

Porto Alegre, Rio Grande do Sul - Brasil

Elizabeth Hartmann (Porto Alegre, 3 de abril de 1930) é uma atriz brasileira.
Elisabeth Anna Hartmann, ou simplesmente, Elisabeth Hartmann, é natural de Porto Alegre, onde fez seus estudos e formou-se em Arte Dramática pela Faculdade de Filosofia da Universidade do Rio Grande do Sul, no ano de 1960. Filha única de pais alemães, Elisabeth teve uma infância confortável na cidade de Porto Alegre e estudou nos melhores colégios. As dificuldades começaram durante a guerra exatamente pela origem da família. Com o preconceito contra alemães nessa época, o pai foi preso injustamente, sua construtora começou a perder clientes, a família se mudou para um lugar menor, o pai adoeceu e acabou morrendo. Com sua morte, ela se viu obrigada a trabalhar, ainda durante o ginásio, para ajudar a mãe. Terminou os estudos com o auxílio de uma bolsa.

Fez seu primeiro desfile como manequim ainda no banco em que trabalhava como secretária, ainda no Sul. Depois do banco, foi contratada por uma importadora de aço e mais tarde numa de inseticida. Para se profissionalizar - e por insistência da mãe - mudou para São Paulo assim que terminou o curso da Escola de Arte Dramática. Queria se tornar uma Tônia Carrero, uma Maria Della Costa ou uma Cacilda Becker, que ela tanto admirava.

Nessa época, desfilou para grandes estilistas e estampou capas de revistas. Já morando em São Paulo, num café,conheceu Mazzaropi e ele a convidou para estrelar o primeiro dos sete filmes que fez com ele. Em São Paulo, trabalhou também como manequim e iniciou sua carreira teatral.

Elisabeth Hartmann trabalhou em várias companhias teatrais, com atuações nas companhias de Cacilda Becker, Nídia Lícia e Ruth Escobar. Tempos depois passou a dirigir. Fez várias leituras teatrais dramatizadas e dirigiu várias peças. Atuou em "Oscar", "O Pobre Piero", "Boing-Boing".

Na companhia Ruth Escobar fez "O Estranho Casal" e "Lisístrada"( nessa peça, sofreu um trágico acidente - despencou do alto do palco, vestida com uma malha cor da pele com duas pombas douradas no seio e outra abaixo do ventre porque o contrarregra, que deveria fazer a descida do praticável lentamente, estava dormindo). No Teatro Popular do SESI fez "O Milagre de Anne Sullivan", "Senhora"; "Um Grito de Liberdade".

"Licor de Maracujá" e "Há Vagas para Moças de Fino Trato", peças importantes em sua carreira. Na Scena Produções fez "Sua Excelência, o Candidato". Na A. Muniz Produções fez "Quem Programa Ação Computa Confusão". Depois passou a dirigir. Fez várias leituras dramatizadas, e dirigiu peças. Elisabeth Hartmann é uma atriz bastante versátil, e atualmente está se dedicando ao teatro. Em 2008, após 20 anos longe dos palcos, a atriz voltou a atuar na nova versão do espetáculo "Tio Vânia", de Anton Tchecov, sob a direção de Celso Frateschi.

Com Mazzaropi trabalhou em vários filmes, dentre eles: O paraíso das solteironas, "Jecão... Um Fofoqueiro no Céu"; O "Jeca e a Freira"," O Jeca e Seu Filho Preto"; "Uma Pistola para Jeca" e "Portugal... Minha Saudade". Fez com Walter Hugo Khouri, "A ilha". E com outras produtoras fez uma quantidade imensa de filmes.