Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Jane Austen
754Número de Fãs

Nascimento: 16 de Dezembro de 1775 (41 years)

Falecimento: 18 de Julho de 1817

Steventon, Hampshire - Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte

Jane Austen é uma das escritoras inglesas mais famosas, passados mais de dois séculos de sua morte. Autora de romances como "Orgulho e Preconceito", "Razão e Sentimento" e "Persuasão", consagrou-se por seus diálogos afiados e pela ironia presente em seus romances. Seus recursos de linguagem tinham um alvo específico: a sociedade provinciana inglesa do século XVIII.

Filha do reverendo George Austen e de Cassandra Austen, foi a segunda mulher dentre sete irmãos. Quando completou oito anos, foi enviada a um internato – junto de sua irmã Cassandra, sua melhor amiga durante toda a vida – para receber a educação formal. Seu contato com os livros vem do acesso à biblioteca da família, permitido após a volta do colégio interno.

Na adolescência, Austen escrevia comédias, e seu primeiro livro bem acabado foi "Lady Susan", escrito em forma epistolar, quando a autora tinha dezenove anos. Em 1797, Austen já havia escrito dois romances, "Razão e Sensibilidade" (primeiramente chamado de "Elinor e Marianne") e "Orgulho e Preconceito" (originalmente "Primeiras Impressões"). Oferecidos pelo pai da inglesa a um editor, os livros foram rejeitados. A publicação dos títulos ocorreu só em 1811 e 1813, respectivamente, assinados com o codinome de “uma senhora”.

Jane Austen também é autora de "Emma", "Mansfield Park" e "A Abadia de Northanger", romances nos quais buscava retratar a sociedade da época e a busca da mulher pelo melhor casamento como única forma de ascender socialmente. As aparências são apresentadas pelos diálogos e contradições dos personagens, em um texto carregado de ironia.

A proximidade de seus textos com sua vida levam a uma leitura autobiográfica da obra de Austen, e mesmo nunca tendo se casado, acredita-se que Jane teve diversos namorados. Quando jovem, chegou a aceitar um pedido de casamento e, em seguida, fugiu.

Morreu aos 42 anos, vítima do mal de Addison. Deixou inacabado o romance "Sanditon".