filmow.com/usuario/20184242/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > 20184242
25 years (BRA)
Usuário desde Setembro de 2010
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • G

    O filme começa como vários outros do gênero e quando você pensa que será mais do mesmo, garota foge de psicopata no pântano, ou garota é estuprada e escapa para depois voltar com uma vingança brutal, temos um plot-twist na metade que muda tudo, e entrega um outro tipo de trama. Este outro tipo de história que se desenvolve na segunda metade do longa, é até interessante e divertida, porém mal executada. Ainda que claramente não seja um filme para ser levado á sério "Julia X" tinha mais potencial do que o que foi entregue. A relação da infância das garotas abusadas, o psicopata gostando de estar em uma situação daquelas com outras psicopatas, é tudo bem interessante e até inovador, mas cai demais no trash e a personagem Jessica estraga bastante a "graça" do filme. Ela é chata, louca não de um jeito legal mas de um jeito caricato e tosco, essa atriz Alicia Leigh Willis é muito péssima, as caras e bocas de atriz pornô são hilárias e não entrega atuação nenhuma. Já Julia é uma personagem muito mais bacana e interessante, que se tivessem focado apenas nela teria sido muito melhor, a atriz Valerie Azlynn é muito superior á outra, e entrega um bom trabalho. Kevin Sorbo ótimo neste papel de louco, e é um dos destaques do filme. No mais, divertido e me arrancou boas risadas além de um bom gore em determinados momentos, vale também pela fotografia muito boa e pela surpresa da reviravolta no meio da trama, se tivessem produzido com mais cuidado e capricho teria rendido um filme bem melhor.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • G

    Telefilme francês simples, curto e objetivo porém ao mesmo tempo, delicado, sensível e que consegue abordar seu tema principal com clareza. "Beijos Escondidos" tem uma dupla de atores protagonistas jovens e talentosos, que possuem boa química em cena, e realizam um trabalho bem notável, em que muitos adolescentes gays conseguem se enxergar, são personagens reais passando por situações reais. Ainda que eu ache um tanto exagerado a proporção que se tomou na escola o fato da descoberta de um aluno ser gay, tanto que chegou a me incomodar o tanto que o Nathan sofre de preconceito, hostilidade e agressão física e verbal dentro daquele ambiente que deveria ser de respeito e educação. Mas ao mesmo tempo que me causou desconforto pude perceber que não foi tão exagerado assim, visto ainda vivermos em uma sociedade arcaica e machista, cujo o preconceito reina, infelizmente. A relação abordada entre pais e filhos, de ambos os personagens, é bem interessante e rende bons diálogos e cenas, para refletirmos após a obra. Um pequeno filme desconhecido que merece ser descoberto, não é nenhuma obra prima como "Me Chame Pelo Seu Nome", mas deixa sua marca com certeza.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • G

    O que começa como uma aventura em um rio que beira as montanhas de uma cidade interiorana, se transforma em um suspense de primeira, sendo um pesadelo e tanto para seus personagens principais, mas isso sem perder a essência do gênero aventura e sem se deixar cair no gênero terror. Os atores, todos ótimos, estão impecáveis em seus papéis, com destaque para Jon Voight e Burt Reynolds que além de serem um tanto mais protagonistas conseguem capturar todas as emoções de seus personagens e as transmitir com maestria para o público, e nem me surpreende, dois grandes atores que o cinema já viu. Ned Beatty também merece um destaque aqui, ele está muito bem no papel de Bobby, e a cena do estupro (a mais chocante para o filme, principalmente pela época), ele a faz com muita convicção e coragem. Fotografia impecável, de encher os olhos pela beleza da locação, mas ao mesmo tempo trazendo todos os perigos possíveis para aquilo que os personagens enfrentavam naquele momento. Os caipiras da cidade são dignos de um filme de terror (Pânico na Floresta, talvez tenha uma inspiração?! haha), eles realmente amedrontam e tornam a situação mais plausível. O desfecho da trama, não ficando ali na saída rio e indo além, me agradou bastante, deu mais credibilidade á todo o suspense criado no segundo ato. Recomendo sem dúvida, grande filme que eu desconhecia até pouco tempo.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Frederico
    Frederico

    Grato pela gentileza, camarada. Tentarei ser mais presente. Não só pelas dicas e opiniões que conseguimos tirar daqui, mas também pela boa receptividade de algumas pessoas.
    Como você.
    Tenha um ótimo fim de ano e muitos filmes pela frente (bons e ruins, porque é assim que a gente tem noção do nosso próprio gosto e se conhece mais)!
    :)

  • Frederico
    Frederico

    Opa. Entro pouco aqui e não necessariamente escrevo bem sobre os filmes que vejo. Cansa um pouco aquelas pessoas que levam pro pessoal quando há uma crítica negativa, mas acho importante, ao procurar sobre um filme, ler opiniões de gente que gostou, tanto quanto de gente que não gostou.
    Abraço!

  • Bruna
    Bruna

    +

    O que este Home Video que você comentou?
    E eu também, gostaria muito de ver esses terrores no cinema!
    Falando nisso, qual foi o último que tu viu nas telonas?

    Eu fui assistir Capitã Marvel! Mas confesso que não gostei muito não. Tu viu? E ahhhh, nem comentamos nada... Não posso sumir tanto hauahua Foi ver Vingadores: Ultimato? Eu gostei!

    Beijos também, vamos tentar não sumir muito hehe

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.