filmow.com/usuario/brunadnts/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > brunadnts
22 years São Paulo - (BRA)
Usuária desde Janeiro de 2013
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • Bruna Dantas

    Viajar com Agnès Varda é uma delícia. Ver o mundo pelo seu próprio olhar e acompanhar seus pensamentos é uma experiência honesta, sensível, por vezes cômica, e sempre gratificante ao extremo. Não diria que amei a maioria das exposições de arte contemporânea das quais ela visitou... Num todo este fato não acaba entrando em questão quando tem-se um ser tão iluminado conversando com você.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Camila Miranda
    Camila Miranda

    (eu gostei bastante do teu último recado. pode vir falar "demais" sempre)
    que honra. e para um trabalho tão forte e bonito como esse, muita honra mesmo!
    também achei tudo impecável, um trabalho delicado e complexo como os bordados. e extremamente inteligente, forte (como só as mulheres sabem ser, diga-se de passagem).

    grace é um nome que acho bem significativo e bonito. não sei se tu assistiu e lembra das cenas de A Árvore da Vida em que se fala da graça. é uma parada meio cristã, que acho uma das coisas mais bonitas do mundo, e a grace da série tinha um tanto dessas características também. uma sabedoria compassiva, bondosa.
    entendo que isso também era parte dela, mas ao longo da vida e das surras que foi levando, ela absorveu outras personalidades também - especificamente das pessoas que mais marcaram ela.
    ao meu ver, mary foi o "abrir dos olhos". aquela que revela, dá nome as coisas (pra mim, é ela que escancara as diferenças sociais, seus sustentáculos, e todo o peso da religiosidade e patriarcalismo pra grace). ensina a se defender, a questionar. achei essa personagem incrível demais!! e que marcou grace de uma forma definitiva.
    entendo que grace, além das personalidades, absorvendo lições ia enxergando no mundo. se, por um lado, ela absorveu muito do que mary era, por outro também guardou consigo toda a dor que viu sua companheira sendo submetida. e não esqueceu mais disso.
    enfim, tudo isso pra dizer que concordo com tua interpretação, acho que foi tudo estratégia de sobrevivência mesmo. ela não se entregou, não desistiu, jogou até o fim com muita maestria, muito consciente dos passos de todos ao seu redor.

    e sobre tuas sugestões, não conhecia vinte e quatro olhos! adicionando a minha lista agora mesmo.
    já tinha alguns filmes da agnès varda (cléo das 5 às 7) e da chantal akerman (não é um filme caseiro) na minha lista de quero ver, mas não as conhecia. estarei mais atenta a elas, com carinho.

  • Camila Miranda
    Camila Miranda

    então... eu sou uma péssima pessoa nisso de listar o que gosto etc e tal, mas adorei a ideia de ganhar indicações de filmes.
    hm, tenho uma queda por filmes melancolicos. gosto também dos que quebram o coração ou cabeça, haha. e tenho estado numa procura por filmes dirigidos/protagonizados por mulheres

  • Camila Miranda
    Camila Miranda

    eu gostei muito. é tão deliciosa de assistir quanto ler um livro, várias vezes eu parava e ficava relendo as falas da protagonista. o texto todo é incrível demais, pra não falar de como a sarah gadon me enfeitiçou, haha

    ah, e não sei se tu sabes, mas ela é bem curtinha (6 episódios só), então acho que num instante tu consegue matar essa curiosidade.