filmow.com/usuario/ivanstefano/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > ivanstefano
27 years, Baixada Santista (BRA)
Usuário desde Novembro de 2014
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Sagitariano, fã de Cazuza e exagerado.

Últimas opiniões enviadas

  • Ivan

    Precisei parar pra falar de Nada Será Como Antes. É de se encantar a delicadeza com que a série cuida da fotografia, atuação, roteiro e romances. De uma sensibilidade impecável.

    Enquanto assistia ao último capítulo, já sofria baixinho por ter que me despedir de tantos personagens que me apeguei, e na minha cabeça fiquei tentando me decidir quem teria sido o grande destaque em uma série cheia de protagonistas. Até que surge a cena de

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Julia Queiroz (Leticia Colin) revivendo seu amor por Beatriz (Bruna Marquezine) no projetor! E então me decidi. Eram elas!

    Em uma série rodeada de "monstros", atores que, de certa forma já sabíamos que iam arrasar, a forma como Bruna Marquezine eternizou Beatriz, me fez senti-la presente no último capítulo, mesmo sem estar. E Leticia Colin contribuiu pra deixar esse trio amoroso ainda mais forte.

    E a sensibilidade e crítica com o nome da série? Nada Será Como Antes. Em um passado onde acreditava-se a TV como um novo futuro, nos dá o recado de que a TV chegou, junto com ela muitos avanços, mas a vida das personagens nos deixa claro que a sociedade ainda é a mesma, rodeada de suas hipocrisias, falsidades e preconceitos.

    E dentre tantas opções feitas pelo audiovisual brasileiro pra TV aberta esse ano, terminei a série feliz por ter escolhido me aventurar nessa história. Como li em um dos comentários, "viciei acidentalmente" e acabei amando!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Ivan

    Que delicadeza de temporada! É inacreditavelmente nostálgica. Pra quem assistiu ao filme Psicose, a quarta temporada traz um gostinho ainda mais especial (dica: assistam!)

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    A forma como eles retomam a história do filme, é brilhante: a despedida de Norma no 9º episódio - que para muitos viria só na última temporada - é épica. A busca pelo corpo da mãe por Norman - e a arrepiante atuação de Vera Formiga até mesmo como um cadáver - faz essa temporada se tornar aquelas que permanecerão fixas na cabeça mesmo depois do fim da série. - Me fez relembrar a 4ª temporada de Dexter, com outra despedida de personagem tão arrepiante quanto!

    Confesso que as primeiras temporadas pareceram, por vezes, arrastadas. Mas, que bom que acompanhamos até aqui! Ao recordarmos de Psicose, percebemos que a série acompanha o "ritmo" devagar e sombrio que as coisas acontecem, para então chegar ao momento em que o filme se passa. Aqui a série deixa de ser uma simples referência à obra de Hithcook, para se tornar um prólogo arrepiante, com um Freddie Highmore assustador!

    Que venha a quinta temporada! Que venha então, Psicose!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Ivan

    Netflix entrando com tudo no ramo de séries musicais! Aqui, a música não está perdida, estilo aquelas séries que as pessoas estão conversando e do nada tudo vira canção no meio da rua. Não! Aqui a música tem história, tem contexto, tem força e MENSAGEM! Cada palavra cuidadosamente encaixada, para nos contar o passado de uma Nova Iorque banhada em preconceito, falta de oportunidades e um Hip Hop que vem para trazer esperança e sonhos, sem deixar de dizer verdades.

    Uma mistura de música black, funk, disco, gospel, rap, grafite, uns cabelos black power, sonhos, indústria musical, romance, uns passinhos de baile charme, guangues de nova iorque, duelo musical e um grupo estilo beat boys + jackson five que nos faz ficar na dúvida se acompanhamos as legendas ou se levantamos e dançamos, formam uma série primorosa que acaba já te fazendo pedir por mais.

    Definitivamente a Netflix não está pra brincadeira! <3

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Nenhum recado para Ivan.