Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

filmow.com/usuario/rodrigoveninno/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > rodrigoveninno
31 years (BRA)
Usuário desde Novembro de 2012
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Às vezes a minha vida se entrelaça com os filmes que eu vejo...
Não me considero "cinéfilo" e aliás odeio esse termo. Considero apenas um rótulo.
Só vejo filmes que me interessam. Amo musicais e filmes noir. Muito fã de Bette Davis, Greta Garbo e Ingrid Bergman.

Facebook: https://www.facebook.com/rodrigoveninno1
Meu blog: http://www.blogosanosperdidos.com.br/
Instagram: https://www.instagram.com/rodrigoveninno/

Últimas opiniões enviadas

  • Rodrigo Veninno

    É o tipo de filme que eu mais amo nessa vida: simples, cheio de amor e que faz um bem enorme assistir e deixa aquela sensação de felicidade e de que tudo vai ficar bem. Eu amo Douglas Sirk e poder ver que ele tinha um talento e uma versatilidade para dirigir filmes leves, me deixa bem feliz também. Rock Hudson está carismático como sempre, mas o filme é todinho do Charles Coburn que exala carisma e simpatia com um personagem que tinha tudo pra ser um ranzinza e antipático. Apenas assistam e se apaixonem por esse filme. Ideal para aqueles dias nublados em nossas vidas.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Rodrigo Veninno

    Eu não gostei desse filme na primeira vez que o vi, talvez tivesse um humor carregado demais pra mim na época. Revendo hoje, minha opinião mudou: é um ótimo filme. Ando dando uma nova chance aos filmes do Capra que eu vi pela primeira vez e não gostei e estou muito feliz em ver que eles são os tipos de filme que eu tanto amo. O motivo de eu não ter gostado de primeira, não sei explicar... Talvez eu não era tão sonhador como sou agora. Enfim, é uma comédia muito amalucada e as situações mesmo que forçadas, são engraçadas. Uma pena que Cary detestou esse papel, pra mim é um dos que ele mais esteve à vontade e pôde se soltar mais. Legal também saber que Capra fez esse filme sem nenhuma obrigação de trazer uma mensagem moral ou com o intuito de ser um filme "sério" e isso ajuda muito pro filme ser cativante. Gostaria também de falar sobre a versão que a Classicline trouxe pro mercado: a imagem está impecável e nítida e isso conta muito na hora de ver o filme. Se puderem ter essa edição, não vão se arrepender.

    Um comentário extra: prestem atenção na cena em que Cary tem os dedos esmagados pela janela. Aquilo foi real.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Rodrigo Veninno

    Primeiro papel de Charlton Heston, que teria uma grande carreira em Hollywood. O filme tem uma história muito interessante: a história do "quem está matando?". Todos sabem quem é o assassino, mas não conhecem o seu rosto. Por isso o filme fica bem interessante, mas acho que se tivessem feito uma história mais bem amarrada, o filme seria mais interessante. Achei o papel de Heston sem carisma algum: um canalha machista e mau-caráter, que se transforma em vítima, mas que mesmo assim a gente não consegue torcer.

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Cheguei a torcer pra ele morrer também. rsrsrs

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.