Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Andressa Koetz
5Número de Fãs

Rio de Janeiro

Antes de completar o curso superior de atriz pela Uni-Rio em 2005, Adressa Koetz já atuava. Desde pequena se acostumou a interpretar clones infantis de Xuxa nos filmes da apresentadora. Em 1990 estreou na extinta TV Manchete. Nos anos seguintes, investiu nos estudos.Em 1997 entrou para a Globo onde participou de várias produções, como Malhação, Andando nas Nuvens, Laços de Família e O Clone.
Adulta, se reencontrou com a Sétima Arte. Em 2001 integrou o elenco do curta Inquilino.
De 2003 a 2005 dedicou-se ao teatro. Primeiro viajou pelo Brasil com Personalíssima, de Júlio Fischer, sobre a vida de Isaurinha Garcia, dirigida por Jacqueline Lawrence. Adressa classifica essa experiência como vital profissionalmente por ter contracenado com Rosamaria Murtinho, que é considerada uma das maiores atrizes brasileiras.
No mesmo período, também atuou em várias peças e sob várias direções. Na sua avaliação, a mesclagem dos diversos diretores trouxe uma bagagem extremamente rica à sua carreira.
Adressa Koetz também se enveredou pelo lado de diretora no Projeto SESC – Novos Talentos, apresentado no Festival de Inverno de 2008, que promove a troca de experiências entre os novos autores e diretores com nomes já consagrados em texto e direção teatral.

No cinema ela participou dos filmes Super Xuxa Contra Baixo Astral, A Princesa Xuxa e os Trapalhões e Lua de Cristal, todos interpretando Xuxa quando criança