Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Bruno Ganz
300Número de Fãs

Nascimento: 22 de Março de 1941 (77 years)

Zürich-Seebach - Suíça

Ator suíço, de carreira internacional.

Começou a atuar no teatro e, nos anos 60, já tinha carreira consolidada em Berlim. Seu trabalho em A Marquesa de O, de Erich Rohmer, lhe rendeu fama internacional.

Em 1977, atuou com Dennis Hopper em O Amigo Americano (de Wim Wenders) e, no ano seguinte, com Gregory Peck e Laurence Olivier em Os Meninos do Brasil (de Franklin J. Schaffner). Em seguida, foi a vez de trabalhar sob a direção de Werner Herzog em Nosferatu, o Vampiro da Noite.

Ganz passou os anos 80 dividindo seu tempo entre o palco europeu e as telas. Começou com Die Fälschung, de Volker Schlöndorff. Em 1987, trabalhou novamente com Wenders em As Asas do Desejo, no papel de Damiel, o anjo perdido de amor. Seu currículo fora da Alemanha inclui Os Últimos Dias Em Que Ficamos Juntos, de Gillian Armstrong (1992), e Pão e Tulipas, de Silvio Soldini (2000) — que lhe valeu o prêmio David Donatello e o Swiss Film Award.

Já no século XXI, Ganz atuou com Joseph Fiennes, Alfred Molina e Peter Ustinov em Lutero (2003), com Denzel Washington em The Manchurian Candidate, de Jonathan Demme (2004), e com Alexandra Maria Lara em A Queda — As Últimas Horas de Hitler (2004), no papel do ditador alemão, no qual desempenhou um magnífico trabalho, sendo considerado por muitos o melhor ator a já ter interpretado o ditador alemão com perfeição, tanto nas características físicas quanto na personalidade. Também voltou a trabalhar ao lado de Alexandra em O Leitor.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.