filmow.com/usuario/delfis/
    Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > delfis
20 years, Fortalez, CE (BRA)
Usuário desde Fevereiro de 2015
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Últimas opiniões enviadas

  • André

    Após pesquisar um pouco mais sobre o filme e ler alguns ótimos comentários tanto por aqui quanto em outros sites, gostaria de compartilhar algumas outras observações sobre o filme:

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Em primeiro lugar, a "ironia" de toda a história: o detetive K, que era o replicante, foi o que acabou tendo, com toda as aventuras da história em que ele se inseriu, uma vida de verdade, enquanto a sua irmã "original" e humana apenas teve uma vida completamente reproduzida dentro de uma bolha. Sendo assim, não importaria a sua origem, e se você é um replicante ou um humano de verdade, mas seria o que você, de fato, vive que define a sua vida.

    Em segundo lugar, quando os outros replicantes se encontram com o Joe e a "líder" deles diz: "achava que era você no sonho? Também achávamos isso de nós mesmos" ou algo parecido com isso. Neste momento, fica subentendido que a Dra Stelline ou outra pessoa colocou partes de suas memórias em outros replicantes, embora a própria Stelline tenha dito que preferia colocar memória positivas. Essa parte, porém, é mera especulação, mas fica sem uma explicação no filme ou simplesmente preferiam deixar, dessa forma, "em aberto".

    Em terceiro lugar, a Joi não tem alma, não é humana e é completamente falsa. Sim, ela, como se sabe ao assistir o filme, é apenas parte de uma programação e feita para ser a amante e companheira sexual da pessoa que tem o programa em mãos. K utiliza a Joi meramente para se sentir especial, tanto que é ela a primeira a incentivar o detetive na ideia de que é ele, de fato, o menino do sonho. No entanto, no momento em que a Joi some para sempre e o K descobre a verdade sobre o verdadeiro filho do Deckard, ele percebe que não é, de fato, especial, o que é um pouco triste em toda a história.

    Sendo assim, em resumo, "Blade Runner 2049" é um filme sobre sonhos e ilusões. K queria, desesperadamente, ser especial e Joi o tentava convencer constantemente disso, até o fazer pensar, por causa do sonho, de que ele era, de fato, humano. No entanto, quanto toda essa ilusão se desfaz e ele descobre a verdade sobre suas origens, ele, mesmo assim, decide continuar em sua jornada para ajudar Deckard, mesmo já sabendo que ele não era o verdadeiro filho do ex detetive. Sendo assim, ele toma a decisão mais humana possível e sacrifica a sua própria vida somente para fazer Deckard reencontrar sua filha. Ninguém deu a ele a sua identidade - apenas ele mesmo - e o seu sacríficio o fez se tornar tão especial e humano quanto ele imaginava e desejava no início da história.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • André

    Um clássico dos filmes de comédia, sendo daquelas comédias do tipo "quanto mais retardado, melhor", fornecendo ótimas risadas como muitos filmes do gênero atualmente não conseguem!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • André

    Geralmente, eu não costumo gostar de filmes cujo desenrolar é lento, da mesma maneira que alguns outros comentaram anteriormente, como ocorre neste aqui, mas, por diversos motivos, eu diria que Blade Runner e os outros filmes que assisti do Villeneuve (em especial A Chegada) são uma exceção nesse quesito, pois conseguem garantir uma intensidade e captar a atenção do espectador apesar do ritmo em que a história ocorre, além, evidentemente, da fotografia e trilha sonora absurdas, que, por si só, já garantiram uma ótima experiência.

    No entanto, o que eu diria que é ponto alto do filme é o enredo extremamente bem elaborado. A saga do policial Joe (Ryan Gosling) em desvendar o caso ao qual foi designado e também para descobrir o seu próprio papel e lugar em um mundo de 2049 é bem construída, além, evidentemente, de nos surpreender, como ocorreu no final do filme e com a revelação que muda a forma como enxergamos a própria história retratada.

    Comentário contando partes do filme. Mostrar.

    Essa revelação, evidentemente, é a de que é a Dr. Stelline, e não o protagonista Joe, que era a criança deixada por Deckard no passado e, dessa forma, filha do ex detetive e a grande esperança para mudar toda a sociedade. Foi uma grande cartada dos roteiristas colocar como a grande esperança para destruir as corporações Wallace exatamente aquela que fabricava as memórias cuja maior finalidade era exatamente aprimorar os produtos dessa mesma empresa e aumentar seu domínio na sociedade.

    Além disso, somente essa revelação fornece um novo rumo à história e ao protagonista Joe, que, ao perceber que não será ele o "escolhido" para mudar o mundo como filho de Deckard, decide dar a sua contribuição ao se sacrificar pelo ex detetive e garantir o encontro entre o mesmo e sua filha. Sendo assim, não a sua vida, mas o seu sacrifício, ajudaram a mudar a história e torná-lo especial. E isso por que nem mencionei a cena em que Joe e Stelline se encontram pela primeira vez - quando ambos ainda não sabiam os seus reais e respectivos papéis em toda essa história, que, dessa forma, ganha uma outra dimensão ao assistirmos a mesma uma outra vez.

    Dessa maneira, Blade Runner é um grande filme, com uma excelente visual e uma história extremamente bem elaborada! É sempre prazeroso ver um sci-fi bem elaborado, à exemplo dos clássicos do passado, e nesta obra de Villeneuve, temos um ótimo exemplar! Super recomendado!

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Senhor Ivan
    Senhor Ivan

    Chega sim.
    Ótimos filmes para nós!

  • Senhor Ivan
    Senhor Ivan

    Seja bem-vindo.

  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.