Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Heath Ledger

Heath Ledger

Nomes Alternativos: Heathcliff Andrew "Heath" Ledger

14246Número de Fãs

Nascimento: 4 de Abril de 1979 (28 years)

Falecimento: 22 de Janeiro de 2008

Perth, Austrália Ocidental - Austrália

Heathcliff Andrew Ledger, nasceu em quatro de abril de 1970 em Perth, Austrália Ocidental. Sua mãe Sally uma professora de literatura francesa e seu pai Kim Ledger, um engenheiro de mineração que também participava de corrida de automóveis escolheram o nome de Ledger e de sua irmã Katherine pelos personagens do romance “O Morro dos Ventos Uivantes” da autora Emily Bront. Seus pais se divorciaram quando Ledger tinha dez anos. Enquanto isso frequentava escolas esportivas entrando para equipe de hóquei em Kalamunda Field, da qual seu pai era presidente. No ensino médio estudou na Guildford Grammar School, onde obteve sua primeira experiência de ator em uma peça sobre o Peter Pan.

Aos dezesseis anos, ele e seu amigo Trevor DiCarlo decidiram deixar a escola, fazer as malas e pegar a estrada em busca de seus sonhos. Em Sydney, desempenhou vários papéis na televisão australiana. No começo de 1996 ele voltou para sua cidade natal para atuar como um ciclista homossexual na série de televisão Sweat, meses após Ledger teve sua primeira chance fora da Austrália, em uma série americana chamada Roar.

Em 1997 conseguiu sua primeira experiência no cinema, no filme australiano de baixo orçamento, “Blackrock”, filme inexpressivo, recheado de clichês. Em 1999 em “Two Hands” conseguiu seu primeiro papel como protagonista, que o ajudou posteriormente a conseguir interpretar o adolescente Patricke Verona em “10 Coisa Que Eu Odeio Em Você”, no filme ele possui um sotaque australiano pois morou na Austrália até os 10 anos, e o personagem é baseado no personagem Petrucchio, um dos principais de “A Megera Domada”, e seu último nome é uma referência a cidade do personagem na obra. O filme foi um sucesso, se tornando um clássico dos filmes para adolescentes, lhe rendendo visibilidade nos Estados Unidos da América. Após o sucesso de “10 Coisa Que Eu Odeio Em Você”, conseguiu alguns papéis em filmes adolescentes menores e, em seguida, participou de dois filmes que lhe renderam elogios da crítica, “O Patriota” (2000) deu vida ao filho Gabriel Martin, junto do seu companheiro ator australiano Mel Gibson, o qual interpreta seu pai. Em seguida vieram filmes como “Coração de Cavaleiro” (2001), “A Última Ceia” (2001),
As Quatro Penas Brancas (2002), The Order (2003), Ned Kelly (2003), Casanova (2005) e “Os Reis de Dogtown” (2005). Trabalhou com o diretor Terry Gillim em “OS Irmãos Grimm” (2005) o filme foi uma produção de grande orçamento, porém não foi muito bem recebido pelo público e pela crítica. Depois de tantos filmes de pouco reconhecimento, Heath Ledger finalmente alcançou o sucesso e o reconhecimento merecido em seu papel em “Brokeback Mountain” (2005), pelo qual recebeu uma indicação ao Oscar de Melhor Ator. O filme é dirigido por Ang Lee, e Ledger fez um par romântico com o ator também elogiado Jake Gyllenhaal. Sua atuação em “Brokeback Mountain” também lhe rendeu o prêmio de Melhor Ator 2005 Films Critics Circle e os New York Film Critcs Circle de San Franscisco.

Nas gravações do filme Heath Ledger conheceu a também conhecida atriz Michelle Williams, com quem teve uma filha, Matilda Rose, nascida em 28 de outubro de 2005. Eles não se chegaram a casar, mas moravam juntos e eram vistos juntos. Heath Ledger era conhecido por gostar de festas e por esse motivo os dois se separaram em setembro de 2007. No mesmo mês, Ledger entrou em depressão e começou a receber acompanhamento por um psiquiatra e se tornou dependente de remédios para dormir.

Em 2006 filmou uma produção australiana, “Candy” e em 2007 apareceu em um filme biográfico sobre o cantor Bob Dylan, intitulado “Não Estou Lá”. Seu filme seguinte, “Batman: O Cavaleiro Das Trevas” foi lançado em julho de 2008, atingindo recordes de bilheteria e críticas muito positivas, elogiando sua atuação como o vilão principal de Batman. Quando o filme estava em pós-produção, em janeiro de 2008, Heath Ledger foi encontrado morto, nú aos pés de sua cama em seu apartamento em Manhanttan, Nova York, aparentemente de uma overdose de medicamentos. O laudo final da causa da morte de Heath Ledger foi a seguinte: “Faleceu por intoxicação aguda em função do efeito combinado de oxicodona, hidrocodona diazepam, temazepam, alprazolam e doxylamina”. Pouco antes desse acontecimento, ele estava filmando o filme dirigido por Terry Gilliam, “O Mundo Imaginário do Dr. Parnassus”, as gravações não estavam completas mais as cenas de Heath Ledger não foram substituídas, o filme deu abertura para o personagem Tony ser interpretado não apenas por Heath Ledger, mas também por Johnny Depp, Colin Farell e Jude Law.

O corpo de Heath Ledger foi cremado e suas cinzas foram espalhadas no terreno de sua família no Cemitério e Crematório na Pehrhos College, em Perth, Austrália Ocidental. E em fevereiro de 2009, Heath Ledger venceu o Oscar póstumo de Melhor Ator Coadjuvante por sua interpretação do Coringa no filme “Batman: O Cavaleiro das Trevas”.