Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Mike Myers

Mike Myers

Nomes Alternativos: Michael John Myers

770Número de Fãs

Nascimento: 25 de Maio de 1963 (54 years)

Scarborough, Ontário - Canadá

Comediante canadense de carreira cinematográfica razoavelmente curta, Myers, como muitos outros grandes artistas da comédia norte-americana (Eddie Murphy e Steve Martin, só para citar alguns), começou sua carreira no programa de televisão SNL - Saturday Night Live, onde ficou de 1989 até 1995 como residente.

Logo destacou-se com o personagem Wayne, que, ao lado de Garth (interpretado por Dana Carvey), tinha sketch chamado Wayne´s World (mundo de Wayne), em que dois adolescentes grunges (roqueiros) apresentavam um programa de TV caseiro. Amigos de Myers dizem que desde 1982 ele interpretava o personagem em festas, para impressionar as garotas. O sucesso da TV levou o quadro para o cinema, com a produção de infeliz título nacional ''Quanto Mais Idiota Melhor'', de 1992.

Myers, que além de atuar participa do roteiro de quase todos os filmes em que participa, no ano seguinte estrelou o pouco conhecido Uma Noiva e Tanto, comédia de humor negro em que interpreta poeta que namora uma suposta assassina serial. Logo em seguida veio a também engraçada e igualmente bem-sucedida seqüência ''Quanto Mais Idiota Melhor 2. Com produção melhor e mais dinheiro para gastar, o filme é bem mais refinado na área técnica e conta com a banda Aerosmith no elenco (ao contrário do decadente Alice Cooper, que participa do primeiro).

Myers fica mais dois anos no Saturday Night Live e não produz nada até 1997, quando é lançado seu maior sucesso, Austin Powers 000 - Um Agente Nada Discreto. Myers, que anda sempre com um passaporte falso britânico, pôde usar toda sua devoção ao povo inglês no personagem, verdadeiro estereótipo de britânico.

Depois de participar do péssimo Studio 54, drama que retrata as pessoas e o ambiente do famoso clube homônimo da década de 70, e de participar de pequenos projetos, como Pete´s Meteor e The Thin Pink Line, filme independente com temática gay com elenco recheado de astros do indie, como Janeane Garofalo, e os astros da série Friends, Jennifer Aniston e David Schwimmer, Myers volta com Austin Powers, O Agente Bond Cama, seqüência que pega o primeiro filme e realça tudo o que havia de bom com muito mais dinheiro e criatividade. É quase uma cópia melhorada, mas feita com bom gosto. Com tema musical de Madonna, agradou e criou muitos fãs em todo o mundo, aproveitando e ajudando o revival dos anos 70 na moda e na música. Faturou, só em bilheteria nos EUA, mais de 70 milhões de dólares.

Com fama de esquisito (dizem que tem dificuldades em gravar cenas de beijo e abraços porque não gosta de ser tocado) e fã incondicional de Hockey (conheceu sua mulher em uma partida, depois que ela foi atingida por um disco do jogo), Myers é inteligente em não se apressar no sucesso e tomar corretamente suas decisões. Foi processado em junho de 2000 em 3,8 milhões pela Universal Pictures por quebra de contrato. Se recusou a fazer um filme baseado no personagem Dieter, outro remanescente do SNL, pois não gostou do material. Disse que recusou um contrato de 20 milhões de dólares pois não trapacearia os espectadores com um filme de roteiro tão fraco.

Com a voz do personagem protagonista de Shrek, o ogro animado em computador da DreamWorks que já faturou mais de 180 milhões de dólares nas bilheterias norte-americanas, Myers prova que sabe fazer boas comédias que agradam em cheio. Curiosamente, seu próximo trabalho é Voando Alto, comédia romântica dirigida por Bruno Barreto (sim, o diretor brasileiro de Dona Flor e Seus Dois Maridos e O Que É Isso Companheiro?), estrelada por Gwyneth Paltrow, Christina Applegete, Rob Lowe e Candice Bergen. Em 2003 irá estrelar O Gato, baseado na obra do mesmo escritor de ''O Grinch''. Em 2004, o canadense volta na segunda parte de Shrek. Todos filmes de grande produção e bilheteria.

Austin Powers em O Homem do Membro de Ouro o terceiro filme da série, o espião enfrenta novamente Dr. Evil em um filme divertido com piadas engraçadas que merecem boas doses de risada. Com várias participações de astros de hollywood Myers mostra em Autin Powers que continua talentoso, engraçado e esquisito.