Você está em
  1. > Home
  2. > Usuários
  3. > raiane
Fortaleza-ce (BRA)
Usuária desde Março de 2013
Grau de compatibilidade cinéfila
Baseado em 0 avaliações em comum

Vou vivento e a cada instante vou projetando em minha mente uma nova história.

Últimas opiniões enviadas

  • Raiane C.

    My Happy Family é um filme original Netflix, dirigido por Nana Ekvtimishvili e Simon Grob.
    O filme mostra Manana, professora de literatura, mulher de meia-idade que vive na Geórgia, e mora com o seu marido e filhos na casa de seus pais, possuindo, assim, uma vida repleta de exigências. Até que ela decide morar sozinha, e sua família fica horrorizada. O dilema de Manana não é tão diferente daqueles enfrentados por mulheres de quase todo o mundo, especialmente em países onde a capacidade reprodutiva condicionam os elementos de sua identidade, limitando-as na tarefa de ser mãe e esposa. Os homens são pessoas antes de serem pais, mas as mulheres não recebem essa graça.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Raiane C.

    O filme inspira. Nos convida par dançar com ele, e agente vai com muito prazer.
    Agente se pergunta se é real o que acontece com Theodore e Samantha. Será que a mente é a grande criadora de toda a relação? Mas depois percebemos que não importa. O que importa é o que ele acredita sentir, e isso lhe fez mudar, e fez mudar a sua maneira de ver a vida. Então é real.
    A solidão é algo presente no filme. O homem faz tudo para não se sentir só, e cria mecanismos para disfarçar a solidão. Será que estamos perto de encontrarmos a solução para esse grande mal? A tecnologia nos aproxima e nos afasta do mundo. Talvez a solidão não seja um sentimento, ou um estado, mas um lugar onde vamos quando não temos para onde ir. Estar só é estar com sigo mesmo.
    Penso que se Theodore foi feliz com Samantha, foi por que acreditou que era capaz de ser feliz, mesmo sendo uma relação quase impossível, e foi perdendo o medo de amar.
    As relações humanas são muito mais do que os sentidos. Elas também são as nossas impressões do mundo, os sentimento, lembrança, angustia, e o desapego. Não podemos prender quem amamos. Talvez amar seja deixar ir.
    A filme nos faz mergulhamos de cabeça em sua digênese. Sinceramente acho que o mundo precisa de mais filmes assim.

    Você precisa estar logado para comentar. Fazer login.
  • Francisco Paulo
    Francisco Paulo

    Raiane, obrigado por aceitar meu pedido de amizade.
    Eu admiro demais o povo Nordestino, tanto pela sua hospitalidade quanto pela Cultura.
    Tenho muitos amigos aqui no Rio de um monte de Cidadezinhas Cearenses.
    Um abraço.

  • Filmow
    Filmow

    O Oscar 2017 está logo aí e teremos o nosso tradicional BOLÃO DO OSCAR FILMOW!

    Serão 3 vencedores no Bolão com prêmios da loja Chico Rei para os três participantes que mais acertarem nas categorias da premiação. (O 1º lugar vai ganhar um kit da Chico Rei com 01 camiseta + 01 caneca + 01 almofada; o 2º lugar 01 camiseta da Chico Rei; e o 3º lugar 01 almofada da Chico Rei.)

    Vem participar da brincadeira com a gente, acesse https://filmow.com/bolao-do-oscar/ para votar.
    Boa sorte! :)

    * Lembrando que faremos uma transmissão ao vivo via Facebook e Youtube da Casa Filmow na noite da cerimônia, dia 26 de fevereiro. Confirme presença no evento https://www.facebook.com/events/250416102068445/

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.