Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Narjara Turetta

Narjara Turetta

Nomes Alternativos: Narjara Aparecida Turetta

11Número de Fãs

Nascimento: 19 de Novembro de 1966 (51 years)

São Paulo, São Paulo - Brasil

Narjara Turetta é atriz e diretora
Iniciou a carreira ainda criança, na telenovela Papai Coração, 1977, e no seriado Malu Mulher, 1979, vivendo a filha de Regina Duarte, encontrando fama e reconhecimento. Participou de novelas como Baila Comigo (1981), O Homem Proibido (1982), Amor com Amor se Paga (1984), Selva de Pedra (1986), Direito de Amar (1987) e O Salvador da Pátria (1989), em papéis de certo destaque. Além de trabalhos na TV, é atriz de teatro e realiza esporadicamente trabalhos de dublagem.

Desde a década de 60, quando surgiram os especiais do Festival de Música Popular Brasileira (TV Record), até o fim da década de 80, a televisão brasileira foi marcada pelo sucesso dos espetáculos transmitidos que apresentavam os novos talentos da MPB, registrando índices recordes de audiência. O especial Mulher 80 (Rede Globo), foi um destes marcantes momentos da televisão; o programa exibiu uma série de entrevistas e musicais cujo tema era a mulher e a discussão do papel feminino na sociedade de então abordando esta temática no contexto da música nacional da inegável preponderância das vozes femininas na MPB; com Elis Regina, Maria Bethânia, Fafá de Belém, Marina Lima, Simone, Rita Lee, Joanna, Zezé Motta, Gal Costa e as participações especiais das atrizes Regina Duarte e Narjara Turetta, que protagonizaram o seriado Malu Mulher.

Depois de ter participado de Gente Fina, em 1990, não encontrou mais oportunidades nem convites na televisão, o que levou a atriz a pedir emprego na porta das emissoras e em programas de celebridades na TV, tendo participado, na década de 90, apenas de alguns episódios de séries como o Você Decide.

Em 2000 conseguiu voltar à vida artística, participando da novela Vidas Cruzadas, na Rede Record. Logo depois do fim desta novela, novamente não houve nenhum convite e a atriz mudou de ramo: ganhou um carrinho de água de côco para vender a bebida nas ruas de Copacabana (Rio de Janeiro).

Nas eleições de 2004, candidatou-se a vereadora pelo PSDB no RJ, sem sucesso, tendo 2.676 votos. Em 2006, retorna à TV, a convite de Jayme Monjardim para participar da novela Páginas da Vida, no papel de Inezita, a governanta de Tônia (Sônia Braga).

Em 2007 voltou a mídia aparecendo ao lado de Kiefer Sutherland quando de sua visita ao Rio de Janeiro para gravar um comercial de um veículo.

Em 2010 teve sua estréia no cinema interpretando Marina no curta-metragem Disse Não Disse, dirigido por Victor Perales. O curta é baseado num conto de João Emanuel Carneiro.[1]

Também em 2010 voltou as telinhas com uma participação especial em Malhação ID.

Em 2011 ela volta a atuar na novela Morde e Assopra da TV Globo

Cinema

2009 - Disse Não Disse (Curta-metragem) como Mariana
2008 - O Futuro a Deus pertence ( Curta-metragem) como Solange

Dublagem

Cold Case .... Tara Koslowisk
Studio 60 on the Sunset Strip .... Deb / Carrie/ Daphne
Veronica Mars .... Angie Dahl
Big Love .... Sally
The O.C. .... Lisa Tucker
The path to 9/11 .... Secretaria Tenet