Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Francisco Di Franco

Francisco Di Franco

Nomes Alternativos: Francisco de Sousa Neto | Francisco de Souza

2Número de Fãs

Nascimento: 7 de Maio de 1938 (62 years)

Falecimento: 10 de Abril de 2001

São Paulo, São Paulo - Brasil

Francisco de Sousa Neto, mais conhecido como Francisco di Franco (São Paulo, 7 de maio de 1938 — São Paulo, 10 de abril de 2001) foi modelo e ator brasileiro de cinema e televisão.
Em alguns filmes, foi creditado como Francisco de Souza.

Di Franco vinha de uma família tradicional, o que lhe possibilitou estudar em bons colégios. Sua carreira teve início em 1954, com figurações em circos e em programas humorísticos da TV Record. Cinco anos depois, Mazzaropi o convidou para um papel em Jeca Tatu. Depois vieram, entre outros, os filmes O Lamparina (1963), Um Certo Capitão Rodrigo (1970) (no papel-título, dirigido pelo premiado Anselmo Duarte) e Filho Adotivo (1984).
Atuou em publicidade, fazendo mais de 150 comerciais de televisão, no Brasil e no exterior.

Sua estreia em telenovelas se deu em 1971, em Bandeira 2, porém a consagração perante o público viria no ano seguinte, ao protagonizar Jerônimo, o Herói do Sertão, na TV Tupi São Paulo. Ainda na Tupi, faria A Viagem (1975), Ovelha Negra (1975) e Jorge, um Brasileiro (1978).

Tornou-se diretor de produção, trabalhando uma dezena de filmes, e show-man em clubes e circos no interior de São Paulo. Voltou ao cinema em 1998, em Hans Staden, num pequeno papel.
Morreu em São Paulo anos depois, de câncer nos pulmões.