Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Mel Brooks

Mel Brooks

Nomes Alternativos: Melvin James Kaminsky | Melvin Kaminsky

527Número de Fãs

Nascimento: 28 de Junho de 1926 (91 years)

Brooklyn, New York City, New York - Estados Unidos da América

Mel Brooks, nome artístico de Melvin Kaminsky, (Nova Iorque, 28 de junho de 1926) é um ator e cineasta norte-americano de origem judaica.

Depois de servir na Segunda Guerra Mundial em um esquadrão anti-minas, Mel Kaminsky entrou para a vida artística, se renomeando Mel Brooks para evitar ser confundido com o saxofonista Max Kaminsky. Inicialmente um músico, entrou para a Comédia stand-up ao substituir um comediante que ficara doente. Brooks tornou roteirista de televisão, e tornou-se conhecido por criar junto de Buck Henry a série Get Smart, exibida no período de 1965-1970. Antes, escreveu a peça All-American em 1962 e foi narrador e roteirista de The Critic, um curta-metragem animado dirigido por Ernest Pintoff em 1963, que acabou vencendo o Óscar.

Sua estreia no cinema foi The Producers, uma comédia de 1968 que escreveu e dirigiu. Apesar de críticas divisivas e baixo faturamento, Brooks acabou vencendo o Oscar de Roteiro Original, e anos depois criaria uma versão musical do filme para a Broadway, vencedora de 12 prêmios Tony (gerando uma refilmagem em 2005). A partir daí se tornou especializado em paródias, seguindo o caminho aberto ao parodiar o Filme de espionagem com Agente 86: a partir da década de 70 Brooks faria o mesmo com os gêneros western (Banzé no Oeste), terror (Young Frankenstein e Dracula: Dead and Loving It), aventura (A louca louca história de Robin Hood), Suspense (Alta Ansiedade), épico-histórico (História do Mundo - parte 1), ficção científica (S.O.S. - Tem um louco solto no espaço) e cinema mudo (A última loucura de Mel Brooks).

Sua produtora Brooksfilms também foi responsável por aclamadas produções não-cômicas, como os dramas biográficos O Homem Elefante (estreia americana do realizador britânico David Lynch) e Frances, e o remake de ficção científica A Mosca.

Gosta de dirigir um grupo seleto de comediantes, que se repetem em seus filmes, sejam como protagonistas, sejam em participações especiais: (Gene Wilder, Dom DeLuise — que apareceu em 12 filmes de Brooks — Madeline Kahn), além de sua esposa Anne Bancroft que trabalhou com ele em Sou ou Não Sou? e A Última Loucura de Mel Brooks.

Cônjuge: Anne Bancroft (de 1964 a 2005), Florence Baum (de 1953 a 1962)
Filhos: Max Brooks, Eddie Brooks, Nicky Brooks, Stephanie Brooks